São Paulo espera receber até R$ 1,7 milhão com venda de Ederson para o City

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

  • Twitter/Benfica

    O goleiro Ederson

    O goleiro Ederson

O São Paulo deve se beneficiar com a transferência do goleiro Ederson do Benfica para o Manchester City. O clube inglês vai desembolsar 40 milhões de euros para tirar o jogador da equipe portuguesa. O Tricolor tem direito a parte da negociação por ser formador do jogador, como prevê a Fifa.

O arqueiro atuou no clube do Morumbi entre 2006 e 2009. O São Paulo vai entregar a documentação para a CBF nos próximos dias para saber quanto terá direito a receber. A diretoria imagina que poderá ganhar entre 0,9% - 360 mil euros (R$ 1,3 milhão) - e 1,2% - 480 mil euros (R$ 1,76 milhão) - da negociação.

Esta não será a primeira vez que o São Paulo terá direito a parte de uma negociação por formar um atleta. Neste ano mesmo, o clube ganhou R$ 5 milhões da venda de Oscar para o Shanghai SIPG, da China. No caso, os chineses desembolsaram 52 milhões de libras (quase R$ 203 milhões) para tirá-lo da Inglaterra.

Nos próximos meses, o São Paulo ainda deve receber 2 milhões de euros por David Neres, vendido para o Ajax; 2,5 milhões de euros por Alan Kardec, negociado com o  Chongqing Lifan e 1,25 milhão de euros por conta da transação de Ganso com o Sevilla.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos