Griezmann explica permanência: "Seria uma sacanagem sair do Atlético agora"

Do UOL, em São Paulo

  • Javier Barbancho/Reuters

O francês Antoine Griezmann falou pela primeira vez sobre sua decisão de permanecer no Atlético de Madri para a próxima temporada. Em entrevista à emissora francesa "Telefoot", o atacante confirmou que a punição imposta pelo TAS (Tribunal Arbitral do Esporte) ao clube foi fundamental para sua permanência.

"Estava um pouco incomodado com perguntas a respeito do meu futuro. O CAS não reduziu a pena do Atlético, então o clube não poderia contratar ninguém. Conversando com o meu empresário, decidimos que o melhor era permanecer no clube", afirmou.

"É um momento difícil para o Atlético de Madri. Seria uma sacanagem com o clube abandoná-lo neste momento. Falei com a diretoria e decidimos que continuaríamos juntos", completou Griezmann.

Na última quinta-feira (1º), confirmou a punição para o Atlético de Madrid de não poder contratar jogadores por duas temporadas. A multa, por outro lado, foi diminuída, passando de 825,3 mil euros (R$ 3 milhões) para 504,5 mil euros (R$ 1,8 milhões). Assim, o tribunal ratifica em sua principal parte a decisão do Controle e Comissão Disciplinar da FIFA, que tinha tomado a medida como pena por irregularidade na aquisição de jovens nas categorias de base do clube.

Com a decisão, o Atlético não poderá inscrever novos jogadores até o próximo mercado de inverno (em janeiro), mas poderá recuperar aqueles que transferiram para outros clubes, vender atletas e promover quem estiver em categorias de base.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos