Após queda de Dorival, Marcelo Fernandes volta a ser auxiliar no Santos

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/Santos FC

    Marcelo Fernandes será auxiliar de Elano já no duelo contra o Botafogo nesta quarta-feira

    Marcelo Fernandes será auxiliar de Elano já no duelo contra o Botafogo nesta quarta-feira

Marcelo Fernandes, técnico campeão paulista pelo Santos em 2015, reiniciou a função de auxiliar fixo do clube nesta segunda-feira, no CT Rei Pelé. Ele estava afastado do cargo e chegou a ser emprestado a Portuguesa Santista, após desentendimento com o técnico Dorival Júnior, demitido no último domingo.

Agora, ele estará no banco de reservas do Santos no duelo contra o Botafogo nesta quarta-feira, às 21h (de Brasília), no Pacaembu, válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. Ao lado de Serginho Chulapa, Marcelo Fernandes será auxiliar de Elano, que comandará a equipe interinamente. A ideia da diretoria santista é fechar a contratação de Levir Culpi para o lugar de Dorival

Dorival e Marcelo Fernandes não "falavam a mesma língua" no Santos. O afastamento do auxiliar no ano passado foi o primeiro desgaste de Dorival com o elenco santista. Na época, grande parte dos atletas se compadeceu pelo auxiliar, que sempre teve boa reputação com os jogadores.

Marcelo Fernandes sempre foi reservado. Desde a chegada de Dorival Júnior, o auxiliar tomou a postura de ficar no ostracismo. Ele, inclusive, recusou diversos pedidos de entrevistas exclusivas ao UOL alegando que o "momento" não era mais dele no clube e, sim, de Dorival.

A comissão técnica do Santos, aliás, se considerava desprestigiada no clube. Isso porque Dorival Júnior sempre prioriza as melhores funções ao seu filho, Lucas Silvestre. Era ele que ficava no banco de reservas, por exemplo, quando Dorival não podia comandar o time no gramado. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos