Espanha e Colômbia empatam em noite de recorde de Falcao García

Do UOL, em São Paulo

O Estádio Nueva Condomina, em Murcia (Espanha), foi palco de um recorde para a seleção colombiana. No empate por 2 a 2 no amistoso entre Espanha e Colômbia desta quarta-feira (7), o atacante Falcao García se isolou como maior artilheiro da história de seu país ao marcar por sua seleção pela primeira vez desde 2015. David Silva e Morata marcaram pelos espanhóis, enquanto Cardona fez o outro dos sul-americanos.

A Espanha começou melhor a partida, largando na frente aos 21min, com David Silva. O meia do Manchester City recebeu cruzamento da direita dentro da pequena área e só teve o trabalho de empurrar para as redes. No meio da jogada, Iniesta deu um susto, caindo no chão na intermediária e precisando de atendimento médico por dores no joelho. O jogador do Barcelona chegou a deixar o gramado, mas se recuperou rapidamente e voltou ao jogo.

A Colômbia reagiu aos 38min, após uma falha coletiva da defesa espanhola. A bola acabou espirrada entre o goleiro Reina, o lateral Azpilicueta e o zagueiro Piqué. Nenhum deles afastou-a dentro da área, então Cardona se antecipou e tocou por cobertura para empatar logo antes do intervalo.

Os espanhóis mostraram superioridade, criando mais chances de gol, mas parando em Ospina. Os colombianos aproveitaram a ineficiência dos rivais, virando o jogo aos 9min com Falcao García. O centroavante do Monaco aproveitou um escanteio e mandou para as redes de Reina. De quebra, se isolou como maior artilheiro da história de sua seleção, com 26 gols, deixando para trás Arnoldo Iguarán, que tinha 25. A Espanha ainda empatou aos 42min, com cabeçada de Alvaro Morata após cruzamento vindo do lado esquerdo.

Enquanto a Colômbia terá mais uma amistoso pela frente, contra Camarões, a Espanha se prepara para encarar a Macedônia no domingo (11), na Philip II Arena, pela sexta rodada do Grupo G das eliminatórias europeias para a Copa do Mundo de 2018.

Palmeirenses não são aproveitados

Convocados para a seleção colombiana, os palmeirenses Miguel Borja e Yerry Mina não foram aproveitados para o amistoso contra a Espanha. O técnico José Pekerman realizou seis substituições no jogo, mas em nenhuma delas aproveitou os jogadores do clube alviverde, que ficaram no banco.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos