Saia-justa: CBF não consegue 'se livrar' de ex-patrocinador em amistoso

Pedro Ivo Almeida e Vitor Pajaro

Do UOL, no Rio de Janeiro e em Melbourne (Austrália)

Após três anos de parceria, a CBF viu a Chevrolet não renovar seu contrato de patrocínio e ser a sexta empresa a abandonar a confederação na gestão de Marco Polo Del Nero. Incomodada, a entidade não queria mais menções ao antigo vínculo. Mas os jogos na Austrália geraram uma situação embaraçosa: a empresa detém os naming rights do "tour de amistosos" da equipe e tinha sua marca espalhada por todos os cantos.

Em meio ao "Chevrolet Global Tour" em Melbourne, a seleção não conseguia "se livrar" de ter a imagem associada ao antigo parceiro – presente nos amistosos por conta de uma negociação direta com as empresas Pitch e ISE, detentoras dos direitos de exploração dos jogos.

Nos treinos, um pouco mais de facilidade. Cinegrafistas e fotógrafos da CBF evitavam registrar imagens com a logo da montadora de carros ao fundo. Nas entrevistas coletivas, imagem fechada para não pegar a imagem da Chevrolet. Mas a missão de "esconder" o ex-parceiro se mostrou impossível no jogo contra a Argentina, na sexta-feira (9), no Melbourne Cricket Ground.

A transmissão, produzida integralmente pela CBF, teve referências à Chevrolet durante praticamente todo jogo. Ainda que a entidade não comente oficialmente o incômodo, eram claras as tentativas de se esquivar a logo da antiga parceira.

Em uma das entrevistas, a reportagem do UOL verificou tais orientações. Nas fotos de treinos disponibilizadas pela CBF, nada de imagens da empresa.

Oficialmente, a confederação não expõe o desgaste e celebra o contrato já encerrado. "Esta parceria de sucesso começou em 2014. A Chevrolet acreditou na Seleção e no trabalho realizado pela CBF de reconstrução da credibilidade do futebol nacional. Os resultados foram muito positivos, culminando com a classificação para a Copa de 2018", disse a nota assinada por ambas as partes.

UOL transmitirá a partida

O UOL voltará a transmitir ao vivo, em vídeo, o último amistoso da seleção brasileira em Melbourne, na Austrália, com oferecimento de Jeep. Os comandados de Tite enfrentarão a equipe da casa na terça-feira e os internautas poderão acompanhar na web e na versão mobile a partir das 7h (de Brasília).

Para a iniciativa inédita, o UOL transmitirá o sinal oficial distribuído pela CBF, que terá os comentários de Pelé. O Rei do Futebol ainda terá a companhia do ex-jogador Denílson, pentacampeão da Copa em 2002, e do narrador Nivaldo Prieto.

A exemplo do jogo contra a Argentina, na sexta-feira, o internauta do UOL ainda poderá assistir a um programa especial no intervalo e após as partidas com a participação dos blogueiros Julio Gomes e Vitor Birner.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos