Com direito a dancinha, Mina faz dois em goleada da Colômbia sobre Camarões

Do UOL, em São Paulo

Teve dancinha de sobra no amistoso entre Colômbia e Camarões, em amistoso nesta terça-feira (13). O zagueiro Yerri Mina, do Palmeiras, foi o responsável por dois gols na vitória colombiana por 4 a 0 e comemorou com a irreverência que lhe é peculiar.

O primeiro gol de Mina saiu aos 30 minutos do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio de James Rodríguez, o zagueiro subiu livre para testar para o fundo das redes de Boumale. Na comemoração, até Cuadrado se rendeu à dança de Mina.

Aos 10 minutos do segundo tempo, Mina foi às redes mais uma vez. O zagueiro do Palmeiras aproveitou cruzamento baixo de Moreno e completou para o gol.

A Colômbia havia aberto o placar aos 10 minutos do primeiro tempo. Dentro da área, James Rodríguez encarou a marcação e chutou no canto de Boumale.

A situação de Camarões se complicou logo aos dois minutos do segundo tempo. Antes de uma cobrança de escanteio, Tambe empurrou Wilmar Barrios, que ficou caído no chão como se tivesse sido agredido. O árbitro, então, mostrou cartão vermelho direto para o camaronês.

Na parte final do duelo, a Colômbia ainda encontrou tempo para marcar mais um. Aos 40 minutos, Izquierdo soltou a bomba para balançar as redes. A bola ainda bateu no travessão antes de entrar no gol.

Passados os amistosos, a Colômbia olha agora para as Eliminatórias para a Copa do Mundo. No dia 31 de agosto, a seleção enfrentará a Venezuela, fora de casa, pela 15ª rodada. A Colômbia é a vice-líder com 24 pontos, nove a menos que o Brasil.

A situação de Camarões nas Eliminatórias é mais complicada. A seleção tem apenas dois pontos, quatro a menos que a líder Nigéria. Em um grupo com quatro equipes, apenas uma de cada chave irá para a Copa do Mundo.

Antes de pensar nas Eliminatórias, Camarões tem outro compromisso. A seleção viaja para a Rússia, onde disputará a Copa das Confederações. A equipe está no grupo B, junto com Austrália, Alemanha e Chile. O primeiro duelo será no dia 18 de junho, contra o Chile.

Falha na segurança

Assim que o apito final soou, uma falha de segurança ficou evidente. Diversos torcedores camaroneses e colombianos invadiram o gramado em busca de fotos ou abraços com os jogadores. O mais procurado foi James Rodríguez, que chegou a ficar rodeado por três fãs até que a segurança chegasse.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos