Chile vence Camarões em jogo com árbitro de vídeo como protagonista

Do UOL, em São Paulo

Atual campeão da Copa América, o Chile venceu por 2 a 0 Camarões, o campeão africano, com gols de Vidal e Vargas, no segundo tempo. Mas o grande protagonista da partida foi a maior novidade desta Copa das Confederações na Rússia: o sistema de árbitro de vídeo. Ele foi usado duas vezes, para anular um gol dos chilenos e para validar outro.

Ainda no primeiro tempo, quando os chilenos pensaram que tinha inaugurado o placar com Vargas, o juiz Damir Skomina, da Eslovênia, primeiro validou e permitiu que os jogadores comemorassem alegremente. Mas logo depois, ao consultar a equipe que tinha acesso às imagens, resolveu anular alegando um impedimento controverso no ataque chileno.

Mais cedo, o árbitro externo também havia sido usado para invalidar um gol de Portugal contra o México. Naquela ocasião, os portugueses reagiram bem e aceitaram a marcação.

Já os chilenos protestaram contra a anulação de seu gol e saíram de campo para o intervalo reclamando do juiz. No segundo tempo, os sul-americanos conseguiram impor seu jogo e finalmente chegaram ao gol quando Vidal recebeu um bom cruzamento de Aléxis Sánchez e cabeceou com estilo para as redes.

Camarões ainda tentou o empate, mas foram os chilenos que estiveram mais perto do segundo gol ao puxarem rápidos contra-ataques. Numa dessas tentativas, Vargas balançou as redes, mas o árbitro precisou, mais uma vez, consultar seus três companheiros de vídeo para se certificar de que o ataque não estava em impedimento. Depois de alguns segundos de conferência, o gol foi confirmado e os chilenos puderam celebrar.

"Temos que dar um desconto", disse o técnico do Chile, Juan Antonio Pizzi, sobre o sistema de vídeo. "Estamos em um processo experimental. Há reações imediatas que têm a ver com a parte emotiva, às quais estamos acostumados no futebol, e para mudar isso precisamos de tempo. Poderíamos ter ido para o intervalo ganhando por 1 a 0, e 20 segundos depois os jogadores entraram no vestiário com um 0 a 0. Não estamos acostumados", avaliou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos