Nenê reconquista titularidade, volta a jogar bem e ganha sobrevida no Vasco

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Paulo Fernandes / Flickr do Vasco

    Nenê e Yago Pikachu comemoram o gol do Vasco diante do Avaí

    Nenê e Yago Pikachu comemoram o gol do Vasco diante do Avaí

Nenê ressurgiu das cinzas. Barrado pelo técnico Milton Mendes em cinco partidas neste Campeonato Brasileiro, ele emplacou seu segundo jogo consecutivo como titular e voltou a jogar bem.

Na vitória sobre o Avaí por 1 a 0 neste sábado, ele deu assistência para o gol de Yago Pikachu e organizou o time como nos bons tempos. Na arquibancada, os torcedores gritaram bastante seu nome.

Técnico da equipe, Milton Mendes enalteceu o comportamento tático do camisa 10. "No futebol moderno, não dá para um defender e os outros não. Todos estavam trabalhando, até o Luis. O Nenê retornou porque entendeu isso. Está sendo um craque disciplinado taticamente, muito mais valorizado. Muito feliz com ele e com Pikachu. Mateus também fez um bom trabalho. Douglas bem, Luis Fabiano protegeu muito bem a bola... Wellington entrou bem, laterais, zaga, goleiro... ".

Com o duelo contra os catarinenses, Nenê estourou o limite de jogos e não poderá mais se transferir para outro clube da Série A este ano. Sua possibilidade de saída agora se resume a uma negociação para o mercado internacional ou para outra divisão.

Em clima ruim neste início de temporada, a permanência do camisa 10 no clube cruzmaltino chegou a correr sério risco. O jogador recebeu proposta do Vitória, sondagem do Grêmio e conversou com o Botafogo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos