Fifa abre processo contra a Juve por transferência de Pogba. United escapa

Do UOL, em São Paulo

  • Reuters / Lee Smith

    Pogba se mudou da Juventus para o Manchester United por 105 milhões de euros

    Pogba se mudou da Juventus para o Manchester United por 105 milhões de euros

A Fifa confirmou nesta terça-feira (20) que abriu procedimentos disciplinares contra a Juventus, da Itália, por causa da transferência do meio-campista Paul Pogba ao Manchester United, no ano passado, por 105 milhões de euros (R$ 389 milhões em valores atuais). Já o clube inglês, que também estava sendo investigado, escapou do mesmo tratamento.

O que chamou a atenção da Fifa no negócio foi a comissão de mais de 41 milhões de libras (R$ 172 milhões) recebida pelo agente de Pogba, o italiano Mino Raiola. O empresário era representante, ao mesmo tempo, dos dois clubes e também do jogador, que se tornou o mais caro do mundo com essa transferência.

A situação representaria um conflito de interesses, principalmente porque Raiola não teria declarado ao Manchester United que também estava trabalhando para a Juventus na negociação, algo proibido pela regulamentação inglesa.

Em 2012, aos 19 anos, Pogba deixou o próprio United após o fim de seu contrato, praticamente sem ter sido aproveitado na equipe principal, e assinou com a Juventus. Depois de quatro temporadas de sucesso na equipe italiana, o United quebrou o recorde mundial de transferências para ter o francês de volta no ano passado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos