Ídolo no Real e vilão na Croácia: como Modric causou revolta em seu país

Do UOL, em São Paulo

  • AFP

    Segundo a imprensa espanhola, Modric será investigado por falso testemunho

    Segundo a imprensa espanhola, Modric será investigado por falso testemunho

Modric conquistou sua terceira Liga dos Campeões, foi campeão espanhol pelo Real Madrid e é capitão da seleção croata. Mas apesar da temporada cheia de títulos, o início das férias na terra natal não foi dos mais tranquilos. Pichações contra ele começam a aparecer pelo país depois de um novo depoimento dado no caso polêmico que agita o futebol local.

A ira de alguns torcedores recaiu sobre o meio-campista do Real porque, como testemunha do processo contra Zdravko Mamic, ex-presidente do Dinamo Zagreb e considerado o chefão do futebol croata, ele apresentou dados diferentes em relação a depoimento dado em 2015. E essa nova versão favorece Mamic.

O dirigente é acusado de desviar dinheiro de pelo menos quatro transferências de jogadores do Dinamo Zagreb, em esquema que beneficiava, entre outras pessoas, seu irmão, o treinador Zoran Mamic. E uma dessas transações foi a venda de Modric para o Tottenham, em 2008.

A venda do jogador girou em torno de 23 milhões de euros. Segundo um anexo ao acordo, metade do valor foi destinada ao Dinamo e  a outra metade para Modric. O meio-campista, por sua vez, disse ter direcionado a maior parte desse valor para a família Mamic, conforme acordo prévio entre eles.

O problema, segundo a Justiça, é que esse anexo foi assinado depois da venda e seria irregular, portanto. Modric, no depoimento de 2015, havia reforçado esse cenário, posição que ele aparentemente mudou na semana passada em nova audiência.

Reprodução/Twitter
Pichação e faixa de protesto contra Modric em hotel na Croácia

"Isso... isso eu nunca disse... isso foi escrito posteriormente. Já disse que eu não lembrava exatamente quando foi feito [o anexo]", declarou o jogador. "Parte do dinheiro foi pago para mim, com base em contrato anexo que fiz com o Dinamo sobre a divisão 50-50. Acertei isso com o senhor Mamic", emendou.

Modric ainda confirmou que sacava o dinheiro em uma agência bancária e entregava pessoalmente para parentes de Mamic, logo na sequência. Além disso, a nova versão de Modric tem datas e informações menores diferentes da inicial e que, em teoria, favorecem Mamic.

Assim, croatas foram às ruas protestar contra a posição do jogador, que apesar de sua reconhecida qualidade técnica, nunca foi unanimidade no país. Uma das pichações tinha a mensagem: "Luka [Modric], você se lembrará desse dia" e foi feita num hotel onde o jogador viveu com sua família durante a Guerra dos Bálcãs. Uma faixa no local reforçava a mensagem.

Um outro outdoor com a imagem de Modric também apareceu pichado com palavras de protesto se referindo ao julgamento de Zdravko Mamic. E assim começaram as férias de Modric em seu país natal.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos