Bruno Henrique afasta passado corintiano e já quer estrear no domingo

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

O volante Bruno Henrique vestiu pela primeira vez a camisa do Palmeiras na tarde desta quinta-feira, na Academia de Futebol. Devidamente apresentado, o jogador procurou em todos os momentos afastar-se do passado ligado ao arquirrival Corinthians e demonstrou vontade de estrear pelo novo clube já neste domingo, diante da Ponte Preta, em Campinas.

Bruno Henrique não citou em nenhum momento o nome do Corinthians durante a entrevista. Campeão brasileiro de 2015 pelo arquirrival palmeirense, o jogador procurou se desligar completamente do passado recente – o volante deixou o Parque São Jorge somente há um ano.

"Vai ser normal enfrentar [o Corinthians]. Tive a minha história lá. Respeito o clube e a instituição, mas estou vestindo a camisa do Palmeiras e defenderei com unhas e dentes. Será um jogo como o outro para entrar e vencer", destacou o meio-campista, que descarta uma pressão extra pelo passado ligado ao rival.

"Pressão é normal. Quando qualquer jogador chega aqui no Palmeiras, ele tem que render o esperado. Estou preparado enquanto a isso para dar a resposta que a diretoria e os torcedores esperam. Palmeiras é um clube muito grande", acrescentou Bruno Henrique.

Sem jogar desde maio, o meio-campista ainda se encontra longe do ideal na questão física. Mesmo com este déficit em comparação aos companheiros neste momento, o novo camisa 19 do Palmeiras se colocou à disposição para ajudar Cuca já neste final de semana.

O treinador não conta com os também volantes Felipe Melo e Thiago Santos, lesionados. Na última quarta-feira, por exemplo, Jean atuou como primeiro volante na vitória sobre o Atlético-GO. Esta necessidade faz Bruno Henrique querer pular etapas e ajudar o clube já no final de semana em Campinas.

"Cheguei segunda-feira. Se ele precisasse de mim ontem, com certeza jogaria. Não estou na minha melhor forma física, ainda mais que tem uma sequência de jogos grande para não ter risco de lesão lá na frente. Faria o meu melhor", destacou Bruno Henrique, já encantado com o novo clube.

"Foi um projeto que me agradou muito. Foi uma negociação rápida, que fiquei muito contente de ter acertado. Escolhemos vir para cá quando vimos tudo o que nos foi apresentado", encerrou o meio-campista, já regularizado no BID da CBF e liberado para estrear com a nova camisa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos