Valdivia chega ao Colo-Colo e cita campanha de palmeirenses por volta

Do UOL, em São Paulo

  • Sebastián Órdenes/Colo-Colo/Divulgação

A torcida palmeirense pediu, mas Valdivia não atendeu e acertou com o Colo-Colo, clube que o revelou, seu retorno ao Chile. Apresentado nesta quinta-feira (22), o meia-atacante citou a campanha feita pelos torcedores do time alviverde para que ele retornasse ao Brasil.

"Não só do Brasil, houve outras opções. No Brasil os torcedores do Palmeiras fizeram uma campanha para que eu voltasse", destacou o jogador.

Valdivia disse que estava no Chile treinando antes de acertar com seu novo clube, além de dizer que "com nome não se joga". O ex-palmeirense também explicou a escolha pelo Colo-Colo dentro do Chile, citando pedidos de colegas de seleção para que ele escolhesse outro clube do país.

"Falamos (com Jean Beausejour e Gonzalo Jara, jogadores da Universidad de Chile) e queriam me levar para La U. Mas sabiam que minha decisão era clara", afirmou Valdivia.

Aos 33 anos, o "Mago" voltou ao Colo-Colo após 14 anos. Ele estava no Al-Wahda até o primeiro semestre, mas se desligou do clube dos Emirados Árabes recentemente. O retorno ao país natal tem a ver com o desejo do meia de voltar a ser convocado para a seleção chilena.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos