Daniel Alves rebate Maradona e explica por que não o vê como exemplo

Do UOL, em São Paulo

  • MIGUEL MEDINA/AFP

    Daniel Alves não concorda com a "Mão de Deus"

    Daniel Alves não concorda com a "Mão de Deus"

Em entrevista ao programa "Conversa com Bial" da TV Globo, Daniel Alves reiterou sua posição sobre o Maradona. Segundo o jogador, o ex-atleta argentino não é exemplo para ser seguido pelas pessoas.

"Acho que eu não comprei briga com ninguém. O meu objetivo é sempre passar mensagem positiva aos jovens. Eu gosto de levar grandes exemplos, grandes pessoas que fizeram uma carreira incrível e respeitaram, seguiram as regras", falou Daniel Alves a Pedro Bial.
O brasileiro também criticou o lance que ficou conhecido como "Mão de Deus", no qual Maradona fez um gol de mão contra a Inglaterra na Copa do Mundo de 1986.

"Não me comove. Porque eu acredito que deus é bom, Deus não vai enganar as pessoas. Não é porque eu não gosto dele, se bem que ele é argentino né. Mas normalmente só gosto de argentino quando jogo com ele", falou o atleta.

Na semana passada, Daniel Alves deu uma entrevista ao canal "Esporte Interativo" e falou sobre as atitudes de Maradona.

"Com todo respeito ao Maradona, não seria um orgulho para mim falar que ganhei uma Copa do Mundo fazendo gol de mão. Mão de Deus não engana, Mão de Deus é ponta firme. Enganou todo mundo, ficou famoso por isso, beleza. Respeito o Maradona, mas para mim, como esportista, não colocaria como exemplo para jovens", falou Daniel Alves.

Logo em seguida, ainda na última semana, Maradona rebateu as críticas e até chegou a chamar Alves de idiota.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos