Verratti pede para sair do PSG, mas ouve 'não' de xeque, diz jornal

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / FRANCK FIFE

Marco Verratti segue na esperança de poder defender o Barcelona, mas sofreu nova derrota. O jornal L'Équipe informou que o volante se reuniu com o xeque Nasser Al-Khelaifi, proprietário do PSG, para expor o interesse em concretizar transferência. No entanto, o controlador do time de Paris reiterou que não pretender negociá-lo.

Verratti acreditava que conseguiria convencer o xeque qatariano, pois o atleta afirma que cumpriu seis temporadas no clube e que era momento de dar um novo passo na carreira. Além disso, Verratti diz ter como sonho jogar ao lado de Lionel Messi.

O atleta italiano está em férias, e deixou Ibiza rumo a Paris confiante de que haveria evolução nas conversas. Mas Al-Khelaifi informou que Verratti é peça importante para o PSG no segundo semestre.

O dono do PSG também destacou que Verratti assinou acordo com o clube francês até 30 de junho de 2021.

Verratti buscou auxílio jurídico para tentar sair do clube. O atleta italiano já havia sido procurado pelo Barcelona no ano passado e agora novamente é assediado. Desta vez, Verratti pretende dizer "sim" ao Barça.

Verratti consultou seus advogados sobre quais seriam as consequências de não comparecer à reapresentação do time de Paris, marcada para 4 de julho. Uma falta geraria multa, mas poderia forçar sua transferência para o Barcelona.

O time catalão vê em Verratti um jogador capaz de substituir o experiente Andres Iniesta. O meio-campista do Barça, aliás, já declarou que Verratti tem seu estilo de jogo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos