Goleiro de 16 anos morre após levar bolada no Paraguai

Do UOL, em São Paulo

Bruno Isaias Cañete, goleiro de 16 anos do Club Sport Colombia, morreu no gramado depois de levar uma bolada no estômago. Em entrevista à emissora Telefuturo o pai do garoto, Christian Cañete, contou o que aconteceu.

"[Bruno] Recebeu a bolada ao fazer uma defesa. A sua última defesa. Se levantou e colocou a bola em jogo e caiu... 16 anos, Bruno Isaias Cañete".

O treinador do time, Alex Quintana disse que não havia ambulância no estádio do Sport Colombia. O Corpo de Bombeiros foi acionado e os socorristas demoraram 40 minutos parachegar. O próprio técnico e o pai de Bruno, que estava no local, tentaram reanimar o goleiro, mas não conseguiram.

Um dos maiores ídolos do futebol paraguaio, o ex-goleiro José Luis Chilaver criticou a falta de ambulância no Twitter. O jogo contra o Cerro Corá aconteceu no campo do Sport Colombia na última sexta-feira. Christian Cañete espera que o caso leve a mudanças.

"Espero que isso que aconteceu com meu filho sirva para que os dirigentes do futebol paraguaio levem  mais a sério o futuro do esporte. Porque futuro não é Cerro (Porteño) nem Olimpa, são as categorias de base. Que coloquem o empenho necessário, o que não colocaram. "

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos