Fluminense anuncia saída de vice após projeto para novo estádio vazar

Do UOL, em São Paulo

  • Nacho Doce/Reuters

    Detalhe da área do Parque Olímpico onde o Fluminense pretende construir estádio

    Detalhe da área do Parque Olímpico onde o Fluminense pretende construir estádio

Nesta quarta-feira (28), o Fluminense anunciou o desligamento de Pedro Antonio Ribeiro da Silva, que ocupava o cargo de Vice-Presidente de Projetos Especiais. O dirigente seria o responsável pelo vazamento de informações sobre o plano para construir um estádio para o clube no Parque Olímpico.

"O Fluminense Football Club anuncia a saída de Pedro Antonio Ribeiro da Silva do cargo de Vice-Presidente de Projetos Especiais. O clube agradece sua atuação e dedicação nos últimos anos", diz comunicado emitido pelo Fluminense. 

Em entrevista ao site "Globoesporte.com", o ex-dirigente afirmou que o clube tinha planos para a construção de um estádio para 22 mil pessoas que poderia ser construído em um ano. Antes disso, seria necessário que o Fluminense chegasse a um entendimento interno e que conseguisse viabilizar apoio de patrocinadores e do governo.

"O projeto só não foi para frente por conta da insegurança da atual administração em conduzir o assunto", afirmou, sobre a não realização de um encontro da diretoria com o prefeito Marcelo Crivella.

A divulgação do interesse na construção do estádio no local fez com que o Flamengo fizesse o mesmo, o que repercutiu negativamente para o Fluminense. Questionado sobre o caso, Pedro Antonio pediu "justiça" para a prefeitura.

"Se a gente não tiver, ninguém vai ter. E, se não for lá, se tomarem a ideia, queremos liberação da prefeitura para reformar as Laranjeiras. Podemos conversar, negociar e ser justos. Não vejo problema em o Flamengo administrar o Maracanã. Hoje é a Odebrecht, uma empresa. Tem de ter um acordo justo para as partes. Para todos poderem usar. Podemos ter acordo justo com o Botafogo no Nilton Santos. Fico até triste de não poder fazer acordo com o Vasco. O que interessa é o futebol do Rio de Janeiro. Agora, o que não vai ter é um time hegemônico no Rio de Janeiro. Podem esquecer. Isso não terá", disparou.

Pedro Antonio foi o principal responsável pela construção do CT do Fluminense, que foi batizado com seu nome na gestão de Peter Siemsen.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos