Inter cede atacante que estava no Cazaquistão ao Brasil de Pelotas

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Wesley Santos/Agência PressDigital

    Centroavante Cassiano deixa o Aqtobe, do Cazaquistão, para atuar no Brasil de Pelotas

    Centroavante Cassiano deixa o Aqtobe, do Cazaquistão, para atuar no Brasil de Pelotas

O Internacional cedeu o atacante Cassiano, que estava atuando emprestado no Aqtobe, do Cazaquistão, ao Brasil de Pelotas. A única situação a ser resolvida é o molde do negócio, cujo martelo será batido até sexta-feira. O anúncio oficial deve ocorrer em breve. 

Cassiano tem 28 anos e foi contratado pelo Inter em 2012 egresso do São José-RS. Sua principal temporada no Inter foi a de 2014, quando marcou quatro gols em 19 partidas. No período de vínculo com o clube esteve emprestado ao Criciúma, Santa Cruz-PE, Fortaleza, Goiás, Gwanju-COR e Aqtobe-CAZ.

A passagem pelo Cazaquistão começou em janeiro deste ano. Mas a dura adaptação ao país forçou retorno ao Brasil. Foram 12 partidas e um gol por lá. Mas o projeto do clube que contava com uma série de brasileiros acabou não dando certo. De 16 partidas, o Aqtobe perdeu 14. Por isso o plano foi desfeito. 

Com isso, Cassiano voltou ao Brasil há 10 dias e treina a parte física. Está bem para atuar dentro de um curto período. A única situação ainda a ser finalizada no acerto com o Brasil de Pelotas é o molde de negociação. O jogador pode assinar em definitivo por um ano, ficando livre do vínculo com o Inter, que venceria no fim de novembro deste ano. O Colorado mantém de qualquer forma 40% do valor de uma venda futura dele até 2018. 

A equipe Rubro-Negra buscava alternativa depois de precisar devolver Bruno Lopes ao Arouca, de Portugal. Os europeus não aceitaram renovar o empréstimo do atleta, que não permanecerá no Brasil. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos