STJD interdita Serra Dourada após pancadaria em clássico goiano

Do UOL, em São Paulo

As primeiras medidas foram tomadas após a briga e confusão generalizada na partida entre Goiás e Vila Nova, pela 10ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta quarta-feira (29), o presidente do STJD, Ronaldo Botelho Piacente, aceitou o pedido da Procuradoria e interditou o estádio Serra Dourada.

Além do pedido da interdição, a Procuradoria denunciou os clubes por não prevenirem e reprimirem a "desordem" após o fim do jogo. O julgamento do processo, no entanto, ainda não tem data marcada.

A confusão aconteceu no último sábado (24). Além do confronto de torcedores dentro do Serra Dourada, quando parte das torcidas dos dois times se encaminhou ao setor de geral e protagonizou um conflito violento, um torcedor com o uniforme de uma organizada do clube Goiás foi assassinado antes do duelo, a caminho do local da partida.

Após o incidente, a torcida do Vila Nova, visitante no clássico de Goiânia, ficou retida na parte interna do Serra Dourada por alguns minutos. A Polícia Militar adotou a medida para conseguir escoar os torcedores do Goiás e assim evitar novos confrontos nas imediações do estádio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos