Milton Mendes sai em defesa de Ramon no Vasco: "Errar é humano"

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

O técnico Milton Mendes não fugiu da pergunta sobre o retorno do lateral esquerdo Ramon, campeão da Copa do Brasil de 2011, mas que arranhou sua imagem junto à torcida em função de ter feito provocações no período em que defendeu o Flamengo. Para o treinador, o jogador está mais maduro e arrependido da atitude.

"Acho que não tem problema nenhum. Passaram-se muitos anos. Hoje ele é mais maduro. Foi uma irreverência de garoto. Hoje ele é um homem totalmente mais maduro, casado, com filho. Ele adquiriu maturidade na Europa. Todo mundo erra. Ele mesmo admitiu que errou. Isso passou. Errar é humano e pedir desculpa é divino. Estamos muito felizes com a chegada dele", declarou.

Antes de Ramon assinar contrato, Milton Mendes fez questão de ligar para o jogador e ter uma conversa pessoal, onde passou seus métodos de trabalho e o dia a dia em São Januário.

"Ramon fez os testes ontem e hoje tinha mais exames. Treinará até domingo. Ele, aparentemente, está bem. Expliquei nossa linha de trabalho. Para mim foi interessante conhecê-lo. Disse que estava treinando e jogou há um mês. Precisa de pequenos ajustes. Vamos trabalhar em cima disso", informou Milton.

O treinador também explicou os motivos que o levaram a aceitar a contratatação do lateral esquerdo, que hoje está com 31 anos.

"O Ramon nos foi apresentado semanas atrás. Nos debruçamos no assunto e concluímos que era um jogador que supria a carência de um segundo lateral, já que o Alan voltou para o sub-20. Nos aprofundamos sobre ele, vimos que tem muita qualidade, jogou muitos jogos na Turquia. Ofensivo e se posiciona bem na linha de quatro", destacou.

O Vasco enfrenta neste domingo o Coritiba na Vila Capanema, na capital paranaense.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos