Menos bastidores: Levir pede privacidade e limita gravações no vestiário

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/SantosFC

    Levir Culpi tem postura diferente de seu antecessor, Dorival Júnior, na Vila Belmiro

    Levir Culpi tem postura diferente de seu antecessor, Dorival Júnior, na Vila Belmiro

O técnico Levir Culpi pediu privacidade para a Santos TV e promete limitar o trabalho dos profissionais de vídeo. O treinador entende que as filmagens fazem parte do marketing do clube e que os torcedores gostam de acompanhar os bastidores. No entanto, o comandante santista pediu moderação e pretende reduzir o material produzido.

Levir não proibirá o acesso aos vestiários, mas a Santos TV não terá a mais liberdade que tinha no período em que o time era comandado pelo técnico Dorival Júnior, demitido no mês passado.

A decisão é apoiada pela direção santista, que entende que o treinador anterior "exagerava na liberdade". Dorival, inclusive, virou uma espécie de 'ator' da Santos TV, topando participar de 'pegadinhas' com os jogadores.

O novo treinador do Santos já avisou que não deixará gravar preleções ou 'rodinhas' com discurso nos vestiários. No entanto, permitirá filmagens dos atletas subindo para o gramado nos jogos, por exemplo.

Levir e Dorival, aliás, possuem estilos bem diferentes de trabalhar. O novo comandante do Santos gosta mais de conversar com os atletas e simplificar a parte tática do time. Para Levir, futebol tem duas estratégias: atacar e defender. Diferente de Dorival, o treinador não é adepto a falar de números: 4-1-4-1, 4-2-3-1...

Além disso, Levir tem se apoiado na comissão técnica fixa do clube, formada por Elano, Marcelo Fernandes e Serginho Chulapa. Já Dorival centralizava o trabalho com Lucas Silvestre, seu auxiliar e filho. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos