De olho em venda, estafe de Wendel, do Flu, usa agente poderoso por ofertas

Dassler Marques e Leo Burlá

Do UOL, em São Paulo e no Rio de Janeiro

  • Silvia Izquierdo/AP

    Volante Wendel tem sido um dos maiores destaques do Fluminense na temporada

    Volante Wendel tem sido um dos maiores destaques do Fluminense na temporada

De olho em uma possível venda de Wendel, destaque do Fluminense na temporada, o estafe do jogador autorizou Giuliano Bertolucci a buscar ofertas para o jogador na Europa. 

Empresário de vários jogadores da seleção brasileira, como Philippe Coutinho, Marquinhos, Paulinho e Willian, Giuliano Bertolucci tem uma autorização para falar em nome de Wendel e trazer ofertas ao Brasil. Parceiro de Kia Joorabchian, o recluso agente foi eleito pela revista especializada "Four Four Two" como o sexto agente mais poderoso do planeta recentemente. 

A associação é potencialmente perigosa para a torcida do Fluminense, que pode ver um dos principais jogadores do elenco fazer as malas. Em abril deste ano, o jovem teve seu contato renovado até outubro de 2020. Em entrevista ao jornal português "A Bola", Fernando Veiga, vice de futebol do Flu, revelou que as conversas por uma eventual transferência só terão início se o interessado oferecer ao menos 15 milhões de euros (R$ 56,4 milhões).

"Se vier uma proposta interessante para o menino e para o Fluminense, vamos fazer de tudo para fazer acontecer. Ainda não há nada concreto, mas as propostas virão, sim"., garantiu Carlos Henrique Brasil, empresário de Wendel desde o início do ano e um dos responsáveis pela parceria com Bertolucci.

Com 24 jogos como titular, Wendel já marcou quatro vezes com a camisa tricolor e tornou-se uma das peças mais importantes da engrenagem da equipe de Abel Braga.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos