Apresentado na Chape, Eutrópio fala em responsabilidade enorme

Daniel Fasolin

Colaboração para o UOL, em Chapecó

  • Daniel Fasolin/Colaboração para o UOL

A Chapecoense apresentou o treinador Vinícius Eutrópio na manhã desta sexta-feira. Ele chega para substituir Vagner Mancini, que foi demitido na última terça-feira, após uma sequência de maus resultados.

O treinador havia recusado no início do ano uma proposta da Chapecoense e retorna ao clube para sua segunda passagem. Ele treinou o time em 2015 em passagem que durou pouco mais de nove meses.

Na chegada, ele destacou que a missão desta vez será bem mais importante, em virtude da repercussão que o time teve após a tragédia aérea que matou 71 pessoas, incluindo jogadores, comissão técnica e dirigentes do clube, em novembro do ano passado.

"A causa na Chapecoense não é só regional, agora é mundial e essa responsabilidade é enorme. Agradeço aos funcionário que vieram me receber. Isso demonstra que o trabalho feito no passado marcou", explicou o técnico, que evitou cobrar reforços, tratou de exaltar o elenco e descartou mudar totalmente o trabalho feito por Mancini no comando do time,

Veja os principais trechos da apresentação do novo treinador da Chapecoense.

Passagem anterior e plano para 2017

Antes de 2015 a Chape não foi bem no Estadual e em 2015 mudamos o modo de contratar jogadores na Chape. Fizemos um bom campeonato e a Chape se garantiu na elite do futebol naquele ano com várias rodadas de antecedência e estou aqui acima de tudo pelos bons resultados e não pelos maus. Temos um compromisso com o clube e o trabalho que foi feito no passado, foi um bom trabalho. A Chapecoense com um plantel formado em 2015, foi campeã da (Copa) Sul-Americana. Esse grupo é um grupo bom e com algumas alterações a gente vai fazer um bom trabalho.

Plano tático

Não existe uma receita, principalmente quando já há um trabalho andando. Tenho que ser humilde para entender o que está sendo feito e melhorar o que é preciso. Aqui sempre jogamos com três volantes, mas o momento pede cautela e se precisarmos fechar, fecharemos.

Planejamento

A minha vinda agrega objetivos maiores, e também coisas mais amplas. Os funcionários que vieram mostram o que é a Chape. Não pretendo fazer parte só no campo, quero fazer parte do projeto Chapecoense e temos que seguir essa reconstrução linda que está sendo realizada.

Reforços

Obviamente dentro de um sistema temos que ter opções. Claro que iremos nos reunir para conversar sobre isso. Trabalhei com nove ou dez jogadores desse grupo, mas estamos trabalhando todos os dias, quase sem dormir e isso renderá frutos.

Comissão técnica

Eu passei por todas as funções no futebol e sei a importância de cada função. Eu sei o quanto é vital para o clube ter sua comissão permanente, pois o clube não pode ficar desamparado de informações quando uma comissão técnica vai embora. Traremos apenas dois funcionários para análise de desempenho e o clube dá uma oportunidade aos ótimos funcionários que estão aqui. Vou utilizar todo mundo daqui para obter informações pra gente conseguir nossos objetivos.

Momento psicológico

As expulsões que ocorreram não foram por desequilíbrio, mas vamos procurar passar todo o tipo de informação para os jogadores para ter cuidado com isso. É fundamental entrar com muita confiança em cada jogo e essa é minha maneira de trabalhar. Procuro agregar e sempre quero a amizade dos jogadores, porém eles sabem quem estará no comando, mas temos que prezar pelo bom convívio.

Convite

No início do ano eu recebi o convite, mas o Vagner foi uma ótima opção. Desejei a ele um ótimo trabalho, pois já não sou um mero expectador, sou um torcedor da Chape. Eu me sinto honrado por estar aqui novamente e agora o desafio é bem maior. Nos precisamos de todo mundo, dos funcionários e dos torcedores. Eles serão muito importantes, pois a Chapecoense sempre foi forte por causa deles. Não podemos perder essa força aqui dentro de Chapecó.

Tempo para trabalhar

Não tem como mudar tudo e nem tudo estava errado. Temos que analisar os pontos positivos, minimizar os negativos e implementar mudanças que possam causar um bom efeito. Não seria coerente da minha parte falar que a mudança será rápida. Temos muito trabalho a fazer e temos que colocar em pratica os trabalhos que serão realizados para que os resultados sejam conquistados.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos