Renan Ribeiro nega ambiente ruim e dá apoio a Cueva no São Paulo

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

  • Marcello Fim/Estadão Conteúdo

    O goleiro do São Paulo, Renan Ribeiro

    O goleiro do São Paulo, Renan Ribeiro

Desde a demissão de Rogério Ceni na segunda-feira (3), muitos especularam sobre o ambiente ruim entre os jogadores no São Paulo. Titular absoluto da equipe, Renan Ribeiro fez questão de negar qualquer problema no elenco tricolor e eximiu o treinador de culpa pelos resultados ruins na temporada - a equipe está na zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro com 11 pontos conquistados em 11 partidas. 

"O ambiente sempre foi bom dentro do clube, sempre teve amizade. O que falávamos é que tínhamos de cobrar mais dentro de campo. A comunicação faz parte do futebol para melhorarmos nas partidas", disse Renan Ribeiro. "É um grupo, é um elenco. Onde erra um erra todo mundo. Não tem um culpado. Cabe a gente está trabalhando", completou o arqueiro.

Renan também deu seu apoio para Cueva. Considerado um dos principais jogadores da equipe no início do ano, o meia caiu de produção após se lesionar em março. "Ele é um bom jogador, tanto que não à toa que ele é o cara lá no Peru, carrega o meio de campo da seleção do país dele. E a gente procura passar força, é um cara que tem apoio e confiança de todos nós, para que ele possa render cada vez mais para a gente", afirmou.

Apesar de o time passar por um momento ruim, Renan Ribeiro tem motivos para comemorar. O goleiro vai completar 22 jogos como titular neste fim de semana, no clássico com o Santos - sendo a sua maior sequência pelo clube. Porém, o jogador preferia não estar em um bom momento, mas ver o time em uma posição melhor na tabela."Não adianta eu falar do meu momento. É uma equipe, onde eu trocaria essas situações para estarmos em situações melhores na competição. Cabe a mim estar pensando em um grupo."

No clássico, o auxiliar Pintado será o treinador de maneira interina. Na próxima semana, o São Paulo passa a contar com Dorival Júnior. Coincidentemente, técnico foi o responsável por dar a primeira chance para Renan Ribeiro no profissional em 2010, quando dirigia o Atlético-MG.

"Fico feliz, é um excelente treinador. Ele me deu oportunidade de jogar no Atlético-MG. Vai ser muito bem-vindo. E com ele vamos sair dessa situação", disse Renan.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos