Preparador da seleção, Taffarel vai ao Corinthians observar Cássio

Do UOL, em São Paulo

  • Léo Pinheiro/Código19/Estadão Conteúdo

    Cássio comemora pênalti defendido contra a Ponte

    Cássio comemora pênalti defendido contra a Ponte

Em grande fase no Corinthians, o goleiro Cássio ganhou mais um motivo para acreditar em uma convocação para a seleção brasileira. O jogador de 30 anos foi observado de perto por Taffarel na manhã desta segunda-feira.

O preparador de goleiros da seleção brasileira esteve presente ao CT Joaquim Grava e assistiu às atividades do time alvinegro. Chegou, inclusive, a conversar com Mauri Lima, que ocupa o mesmo cargo que ele no clube alvinegro.

Cássio defendeu um pênalti no último sábado, em Itaquera, durante a vitória do Corinthians por 2 a 0 sobre a Ponte Preta. O arqueiro já havia parado o atacante Luan em uma penalidade máxima no triunfo por 1 a 0 sobre o Grêmio há duas semanas.

A última convocação de Cássio ocorreu em outubro de 2015. Na ocasião, Dunga incluiu o goleiro na lista para as partidas contra a Argentina e Peru pela eliminatórias - além dele, Alisson e Jefferson foram chamados.

Tite, que está há 12 meses à frente da seleção, convocou o trio Diego Alves, Ederson e Weverton para os amistosos contra a Argentina e a Austrália disputados no mês passado. O Brasil volta a campo no fim de agosto para enfrentar o Equador em Porto Alegre. Dias depois, pega a Colômbia fora de casa - ambos os duelos são válidos pelas eliminatórias. 

O Corinthians de Cássio é o líder do Campeonato Brasileiro, com 32 pontos conquistados em 36 disputados. O time sofreu apenas cinco gols em 12 rodadas. O goleiro não sofre um gol há seis jogos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos