Em reunião com conselheiros, Leco fala de Lugano e multa de Ceni

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Ricardo Moreira/Fotoarena/Estadão Conteúdo

    Leco sofre com pressão da torcida e de conselheiros do São Paulo

    Leco sofre com pressão da torcida e de conselheiros do São Paulo

A fase ruim do São Paulo no Campeonato Brasileiro tem seus reflexos na política do clube. O presidente tricolor, Carlos Augusto de Barros e Silva, convocou uma reunião entre os grupos da sua base nesta segunda-feira à noite, no Morumbi. O mandatário já era questionado nos últimas semanas por conta do desempenho do time e dos primeiros meses da gestão - ele fora eleito no dia 18 de abril.

Na conversa, foi abordada a multa rescisória de R$ 5 milhões no contrato do treinador Rogério Ceni. Por tradição, o Tricolor costumava colocar apenas o pagamento de um salário em caso de demissão de treinador. No caso, como publicou o UOL EsporteRogério Ceni tinha como advogado na época em que assinou o acordo Alexandre Pássaro, que também presta serviço ao clube, e a multa teria de ser paga nesta temporada de qualquer maneira.

Segundo apurou a reportagem, Leco disse na reunião que a decisão de colocar a multa foi tomada por ele em comum acordo com os diretores do departamento de futebol na época (Marco Aurélio Cunha, José Alexandre Médicis e José Jacobson).

Outro assunto discutido no encontro foi a renovação do contrato de Lugano. O zagueiro tinha acordo com o São Paulo só até o fim de junho, mas poucas vezes entrou em campo com Rogério Ceni e não foi relacionado para os últimos jogos com Dorival Júnior. Leco disse que se tratava de um ídolo do clube e o dinheiro gasto com o salário do defensor será recuperado com uma partida amistosa de despedida do campeão mundial de 2005 no fim deste ano - no caso, o jogador terá direito a 40% do que for arrecadado.

Apesar de haver pensamentos dissonantes mesmo dentro dos grupos da base aliada ao presidente, no fim, ficou acertado que agora seria o momento de eles se unirem pelo bem do São Paulo. Ainda nesta semana, conselheiros de oposição entregarão cartas e ofícios com questionamentos sobre a gestão de Leco.

No momento, o Tricolor está na zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro, na 18ª posição na tabela, com 12 pontos conquistados em 14 partidas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos