Neto pode ser operado e não volta em 2017; Ruschel fica próximo de retorno

Daniel Fasolin

Colaboração para o UOL

  • Divulgação/Flickr/Chapecoense

    Problemas nos joelhos devem adiar o retorno de Neto aos gramados

    Problemas nos joelhos devem adiar o retorno de Neto aos gramados

Após uma recuperação surpreendente, alguns treinamentos dentro de campo e a reintegração ao elenco da Chapecoense, o zagueiro Neto, um dos sobreviventes do desastre aéreo em Medellín no ano passado, não voltará aos gramados em 2017.

Segundo o departamento médico da Chapecoense, não houve progresso na recuperação do atleta, que sofre com dores no joelho, e uma cirurgia será definida em no máximo 15 dias. "Estamos bem propensos a operar o joelho do Neto. Ele tem uma lesão de cartilagem e ela estacionou, não evoluiu, e ele ainda tem uma instabilidade do ligamento cruzado posterior. Por isso, vamos resolver as duas coisas com uma cirurgia", disse Carlos Mendonça, médico da Chapecoense.

A recuperação do jogador, segundo o departamento médico que o acompanha desde a tragédia, foi excelente e acima de qualquer expectativa. Após quatro meses de reabilitação, Neto chegou a ser inscrito na Copa Libertadores e chegou a realizar treinamentos dentro de campo com o elenco. No entanto, as dores no joelho voltaram a incomodar o jogador.

Neto passou na semana passada por uma cirurgia na vesícula e ainda se recupera do procedimento. Por isso, a cirurgia no joelho ainda não está totalmente acertada. "Temos que esperar mais uns 15 dias para a recuperação dessa cirurgia [na vesícula], e aí podemos definir", afirmou Mendonça.

Ainda segundo o departamento médico da Chapecoense, Neto faria a cirurgia e teria até o inicio de 2018 para a recuperação, podendo iniciar uma pré-temporada totalmente recuperado. "Essa possibilidade existe, tratar durante esse ano para ele voltar livre de dores e de qualquer problema clínico no ano que vem. Podendo fazer uma pré-temporada adequada com o restante do grupo".

Já o lateral esquerdo Alan Ruschel, também um dos sobreviventes da tragédia aérea de Medellín, está com a recuperação completa. A Chapecoense já se programa para realizar a volta do atleta aos gramados nos próximos dias.

Segundo fontes ligadas ao clube e ao jogador, Alan pode voltar a ser relacionado para jogo contra o Defensa y Justicia, pela Copa Sul-Americana, em 25 de julho, ou até mesmo no jogo contra o Atlético-GO, pelo Brasileirão, em 30 de julho.

Ruschel já treina com o grupo e participa de todas as atividades normais dentro de campo. Desde a liberação do departamento médico da Chapecoense, a ênfase dos trabalhos foi direcionada para a recuperação física e muscular do jogador, além da volta do ritmo de jogo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos