Perguntado sobre Neymar, presidente do Barça desconversa: "falamos ontem"

Do UOL, em São Paulo

  • REUTERS/Albert Gea

    Josep Maria Bartomeu, presidente do Barcelona

    Josep Maria Bartomeu, presidente do Barcelona

A terça-feira (18) ficou marcada pelos rumores de uma possível transferência do brasileiro Neymar para o PSG. Nesta quarta (19), foi a vez do presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu, se manifestar sobre a situação do brasileiro. Encontrado no aeroporto da cidade catalã, prestes a viajar para os Estados Unidos para acompanhar o time na pré-temporada, o dirigente se disse tranquilo sobre o caso e desconversou sobre a notícia de que o atacante teria dado "sim" ao clube francês.

"Todo mundo no clube já falou. Já sabem. Falamos muito claramente ontem", declarou Bartomeu ao microfone do "Esporte Interativo", que havia noticiado um dia antes que o brasileiro irá se transferir ao clube francês. Pressionado com esta informação, o dirigente foi curto e grosso: "Então vocês têm que falar com ele."

Embora Bartomeu tenha sido breve com as palavras, o vice-presidente Jordi Mestre afirmou um dia antes que tem "200% de certeza" de que o brasileiro não deixará o Barcelona nesta janela de transferências. O estafe de Neymar, por sua vez, não confirma nenhum tipo de acerto com o PSG.

O brasileiro renovou seu contrato com o Barcelona em 2016, assinando um novo vínculo que durará até 2021. O salário de Neymar foi triplicado, mas foram retiradas as bonificações por eventuais artilharias de competições ou convocações para a seleção.

A oferta do PSG seria mais atrativa: cinco anos de contrato durante os quais o atacante pode receber até 40 milhões de euros anuais. Para chegar a isso, além do salário comum, Neymar receberia por metas de desempenho, premiações, e teria que trabalhar com o clube como garoto propaganda de projetos sociais e da Copa do Mundo de 2022, no Qatar.

Neymar retornou de Ibiza a Barcelona na manhã desta quarta-feira com o pai. Uma grande quantidade de jornalistas o aguardavam no aeroporto, mas nenhum dos dois falou sobre o interesse do PSG.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos