Morre ex-gerente das categorias de base do São Paulo

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Divulgação

    Geraldo cuidava de Cotia na era Juvenal

    Geraldo cuidava de Cotia na era Juvenal

Morreu nesta quinta-feira (20) Geraldo Oliveira, 55 anos, ex-gerente das categorias de base do São Paulo. A informação foi confirmada ao UOL Esporte pelo Desportivo Brasil, clube onde estava trabalhando desde sua demissão da equipe paulista.

Segundo pessoas próximas, Geraldo sofreu com uma infecção dentária, além de ter diabetes e consumir cigarros de forma excessiva, o que agravou a situação. Antes de morrer, ele passou cerca de um mês internado, em coma induzido.

Por nove anos, Geraldo foi um dos grandes nomes do centro de treinamento de Cotia, onde o São Paulo concentra todo seu trabalho de categoria de base. Por lá, atuou de 2005 até 2014 e foi responsável pela descoberta de grandes nomes do futebol brasileiro, como Lucas e Casemiro, hoje no Paris Saint-Germain e Real Madrid, respectivamente. 

Geraldo era um dos homens fortes da gestão de Juvenal Juvêncio, ex-presidente do São Paulo. Além de ser conhecido por seu talento em revelar novos atletas, também levava a fama de "linha dura". Foi dele a ideia de barrar apelidos e brincos, por exemplo, nas categorias de base do clube por um período. Foi demitido por Carlos Miguel Aidar em setembro de 2014.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos