Dorival vê reformulação completa e pede paciência à torcida do São Paulo

Do UOL, em São Paulo

  • Marcello Zambrana/AGIF

    Dorival Júnior comanda o São Paulo contra o Vasco no Morumbi

    Dorival Júnior comanda o São Paulo contra o Vasco no Morumbi

Depois de conseguir sua primeira vitória no comando do São Paulo ao bater o Vasco por 1 a 0, Dorival Júnior pede paciência para a torcida em meio à reconstrução do elenco. Em entrevista à televisão "Bandeirantes", o treinador diz que as transferências envolvendo o clube devem parar.

"As entradas e saídas do São Paulo aconteceram, mas acredito que agora vão parar. Mas principalmente, que o torcedor são-paulino tenha paciência para entender que cada um tem seu tempo", disse Dorival.

O treinador também falou sobre as situações de Rodrigo Caio e Cueva, que têm seus nomes envolvidos em rumores sobre possíveis transferências.

"Assim, primeiro com relação às saídas: se o time depositar a multa de saída, é só sair. Eu já tive essa conversa com o Rodrigo, e é uma situação difícil para ele. É uma proposta altíssima do Zenit, mas a situação dele é difícil porque ele quer seleção", declarou Dorival.

"Quanto ao Cueva, eu já conversei com ele, e não existe proposta nenhuma. O jogador tem que se sentir confiante e satisfeito no seu local de trabalho, porque se não ele não vai render", completou.

O comandante ainda negou que o camisa 10 esteja infeliz no time.

"Eu falei de insatisfação no sentido de especulação de transferências, porque o jogador fica vulnerável nessa falação de vai ou não vai. Eu tive uma conversa com o Cueva para restabelecer a confiança e conhecer o que os meus jogadores estavam sentindo", relatou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos