Jornal: "Quero sair para jogar e ser feliz", diz atacante do Arsenal

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Site oficial do Arsenal

A contratação de Alexandre Lacazette fez a torcida do Arsenal ter novas esperanças para a próxima temporada. No entanto, a chegada do novo camisa 9 despertou a ira do atacante Lucas Pérez, segundo o jornal espanhol La Voz de Galicia desta segunda-feira.

A publicação teve acesso a uma conversa entre o jogador e o diretor de operações do Arsenal, Dick Law, em que Pérez critica a diretoria e pede para deixar o clube. "Quero sair para jogar e ser feliz. No ano passado tive poucas chances e quando elas apareceram eu aproveitei. Nesta temporada está claro que será mais do mesmo. Quero lutar para ir à seleção. Quero jogar futebol, mas para isso eu tenho que sair."

Ex-camisa 9 da equipe, Pérez também ficou bastante incomodado com o fato do número ter ido para o francês sem ele ter sido avisado. "Não estão se portando bem comigo. Tirar o número 9 de mim sem me falarem nada e dar a um companheiro me parece lamentável. Assim não aguento mais", disse o atacante, que agora usa a camisa 28.

Quer voltar a ex-clube

O jogador ainda indicou que gostaria de ser negociado com o Deportivo La Coruña, clube em que atuava antes de ser vendido ao Arsenal por 20 milhões de euros (R$ 72 milhões) há um ano. "Acho que nessa temporada as coisas seriam piores, e onde me senti mais feliz foi quando joguei no Deportivo, ao lado de minha família, de meus amigos. Sei que tenho condições de jogar na seleção, de jogar a Copa do Mundo, que é um sonho."

Reserva de Olivier Giroud e Alexis Sánchez na última temporada, Lucas Pérez participou de 21 partidas na última temporada. Ao todo, o espanhol de 28 anos fez apenas 7 gols, e já teria inclusive conversado com Arsene Wenger para deixar a equipe inglesa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos