Técnico da Turquia deixa cargo após briga em restaurante

Do UOL, em São Paulo

  • Murad Sezer/Reuters

A seleção turca não é mais comandada pelo técnico Fatih Terim. O treinador foi demitido nesta quarta-feira (26) duas semanas após se envolver em uma briga com o proprietário de um restaurante dentro do próprio estabelecimento.

O treinador turco estava no cargo há quatro anos, mas chegou a um acordo com a federação de futebol do país para sair. A entidade publicou um comunicado em seu site informando a decisão.

A federação turca agradeceu os serviços do treinador e desejou "sucesso e felicidade" na continuidade de sua carreira. A entidade esclareceu que a decisão foi tomada por um número de "problemas fora do futebol".

Segundo a imprensa turca, o incidente em que Terim se envolveu no restaurante terminou com cinco feridos – o treinador teria tido ajuda de seus genros na confusão.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos