Técnico do Estudiantes brinca sobre meia do Grêmio: "Pediria à lâmpada"

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

Gastón Fernández é o sonho de consumo do Estudiantes e segue na mira. Se o interesse antes era velado, agora é público e declarado de forma contundente. Nesta quarta-feira (26), Gustavo Matosas, treinador do time argentino, citou o meia-atacante como seu maior desejo.

"Se eu encontrasse uma lâmpada e pudesse fazer um pedido? Pediria que viesse La Gata", disse Matosas ao programa La Revolución del Fútbol, da rádio 221 de La Plata.

O interesse do Estudiantes em Gastón 'La Gata' Fernández não é novo. Mas a posição de seu treinador publicamente é o elemento inédito na história.
Até então, a contratação era tratada mais como um desejo do clube – na figura do presidente Juan Sebastián Verón. A manifestação de Gustavo Matosas dá novos ares ao caso.

Contratado em janeiro, o meia procurou a diretoria do Grêmio no final de junho e contou que foi procurado pelo Estudiantes para voltar ao clube argentino pela terceira vez. Ouviu que a saída só seria possível mediante compensação financeira.

Desde então, o Grêmio decidiu não utilizar o jogador até que a situação seja definida. O Estudiantes ainda não apresentou proposta oficial e o empresário de La Gata planeja viajar ao Brasil para se reunir com o Tricolor em busca de um acordo.

Gastón foi campeão da Libertadores com o Estudiantes, em 2009, e chegou ao Grêmio egresso da Universidad de Chile. Para contratá-lo, o Tricolor investiu cerca de 500 mil dólares (R$ 1,5 milhão na cotação atual). O contrato entre La Gata e o time gaúcho vai até o final de 2017 com opção de prorrogação por mais uma temporada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos