Gabriel Jesus perde gol feito, mas City vence Tottenham em amistoso

Do UOL, em São Paulo

O Manchester City teve Gabriel Jesus como titular neste sábado (29). O atacante criou algumas chances e até perdeu um gol feito, mas, mesmo assim, viu sua equipe sair com a vitória no amistoso contra o Tottenham: 3 a 0 em duelo realizado no Nissan Stadium, em Nashville (EUA).

O time comandado por Pep Guardiola fez um gol no primeiro tempo, com Jones. Já na etapa final, Sterling aumentou a vantagem, e Brahim Diaz sacramentou nos acréscimos.

Agora, o City volta a jogar na próxima sexta-feira, quando enfrenta o West Ham em novo amistoso, desta vez na Islândia. Um dia depois, no sábado, o Tottenham encara a Juventus, no Wembley, em Londres.

Gabriel Jesus é titular, mas não marca

Esta foi a terceira partida de Jesus na pré-temporada, mas ele não fez nenhum gol até aqui. Antes de enfrentar o Tottenham, o jogador entrou no início da etapa final diante do Manchester United. Depois, foi titular e jogou até a metade do segundo tempo contra o Real Madrid.

Neste sábado, Jesus até teve chances de marcar durante o tempo em que ficou em campo, mas desperdiçou. Na etapa inicial, foram três. Primeiro, chutou forte, mas no meio do gol, e Lloris fez a defesa. Mais tarde, dominou dentro da área, mas bateu rasteiro e fraco para nova defesa do goleiro do Tottenham.

Já nos acréscimos do primeiro tempo, De Bruyne entrou na área pela direita e rolou para o camisa 33, que só tinha o trabalho de completar para o gol praticamente vazio. Porém, ele finalizou muito mal, pegou embaixo da bola e mandou longe. Enquanto, na etapa final, veio mais um chance, desta vez com chute para fora. Foi a última oportunidade, já que, aos 14 minutos, Pep Guardiola colocou Aguero no lugar do brasileiro.

Danilo joga de novo na esquerda

REUTERS/Harrison McClary
Danilo foi escalado mais uma vez pelo lado esquerdo

Na partida contra o Tottenham, o lateral direito foi mais uma vez improvisado na esquerda. Danilo estreou contra o Real Madrid, sua ex-equipe, na última quinta-feira, também do lado esquerdo. A opção de Guardiola nos dois jogos foi colocar Kyle Walker, outro recém-chegado, como titular na lateral direita.

Do lado oposto que está acostumado a jogar, Danilo teve três chances contra o Tottenham, todas no primeiro tempo. Na primeira, bateu por cima e, na segunda, finalizou fraco. A melhor foi a terceira, mas Lloris voou para espalmar para escanteio e fazer bela defesa.

City domina primeiro tempo

AP Photo/Mark Zaleski
De Bruyne cruzou, e Stones marcou para o City

A primeira etapa foi dominada pelo Manchester City. Os Citizens abriram o placar logo aos nove minutos, depois que De Bruyne cobrou falta para dentro da área, e Stones cabeceou para o gol. E, mais tarde, a vantagem até poderia aumentar com as chances de Jesus e Danilo. Já o Tottenham não criou muito, e a principal oportunidade veio com Eriksen, que cobrou falta para defesa do goleiro Éderson. Depois, Kane recebeu em profundidade, mas, livre dentro da área, bateu por cima. Foi só.

Segundo tempo ainda mais fácil para o City

AP Photo/Mark Zaleski
Sterling (esq.) fez o segundo gol do City contra o Tottenham

No segundo tempo, Guardiola e Pochettino mexeram bastante nos times e, dentro de campo, o clima até esquentou. De Bruyne se desentendeu com Dier e, depois, foi a vez de Walker sofrer falta dura e reclamar com os ex-companheiros do Tottenham.

Já o City continuou melhor que o Tottenham. Aguero acertou duas vezes a trave e não marcou por pouco. Enquanto Sterling não perdeu a principal chance que teve para ampliar a vantagem no placar. Aos 27 minutos, o camisa 7 recebeu passe em profundidade de Nasri e não desperdiçou: entrou na área e bateu rasteiro, sem chances para Vorm, que entrou no lugar de Lloris. Já nos acréscimos, Brahim Diaz ainda fez o terceiro após rebote do goleiro e deu números finais ao jogo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos