Diante do interesse do Boca, Buffarini promete pensar sobre futuro

Bruno Grossi e José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

  • Érico Leonan/saopaulofc.net

    Buffarini é observado por Cueva

    Buffarini é observado por Cueva

Com a saída de Gino Peruzzi anunciada, o Boca Juniors estuda a contratação de um lateral direito para reforçar a sua equipe. Um dos nomes cotados é o do argentino Buffarini, hoje no São Paulo. Além dele, estão no radar Leonel Di Plácido, Víctor Ayala e José Luis Gómez. Segundo apurou a reportagem do UOL Esporte, porém, o clube de Buenos Aires ainda não entrou em contato com o Tricolor.

"Ninguém do Boca falou comigo ou com o São Paulo. O Buffarini tem contrato com o São Paulo e, para contratá-lo, é necessário negociar comigo e com o São Paulo. Não tem nada por enquanto", afirmou o Darío Bombini, empresário do lateral.

A lateral direita é um dos setores mais questionados no time do São Paulo nesta temporada. Bruno é o titular no momento, mas é alvo constante de vaias e críticas dos torcedores.

Contratado no ano passado a pedido do então treinador tricolor Edgardo Bauza, Buffarini disputou 36 partidas com a camisa do São Paulo e ainda não marcou gols. O salário do argentino, de 28 anos, também é considerado alto. Por isso, segundo apurou a reportagem, há no São Paulo quem encare de maneira positiva o interesse do Boca Juniors no jogador. 

O ala, por sua vez, disse que "minha gente está sabendo" sobre o interesse xeneize e completou, rapidamente, antes do treino desta segunda-feira no CT da Barra Funda: "Se chegar algo, tenho que pensar". Perguntado se o peso do Boca para os argentinos seria levado em consideração, completou dizendo que "Boca é Boca". 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos