Madrasta de Zuñiga é agredida em assalto na Colômbia, diz jornal

Do UOL, em São Paulo

  • Adam Holt Livepic/Reuters

    Lateral colombiano Carlos Zúñiga em ação pelo Watford, da Inglaterra

    Lateral colombiano Carlos Zúñiga em ação pelo Watford, da Inglaterra

De acordo com reportagem do jornal "El Colombiano", Justina Romero, madrasta de Juan Camilo Zúñiga foi amordaçada e agredida em assalto na região metropolitana de Chigorodó, município da Colômbia. Os dois irmãos do jogador também foram vítimas do crime.

Segundo Luis Eduardo Soler, comandante da polícia local, os ladrões roubaram cerca de 11,5 mil reais em joias e outros bens materiais no assalto.

"Chegou um indivíduo na sexta-feira às 19h e entrou na residência, amordaçando aos dois filhos, uma menina de 17 anos e um jovem de 14, fez o mesmo com a mãe e começou furtar elementos avaliados em 11 milhões de pesos", declarou a autoridade. 

Além de joias, uma motocicleta e uma bomba hidráulica também foram levados pelos ladrões. O crime foi realizado em uma região semi-rural, fora do município de Chigorodó.

Jogador do Watford, da Inglaterra, Zuñiga ainda não se manifestou publicamente sobre o caso.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos