Palmeiras muda de ideia após áudio e põe Felipe Melo para treinar separado

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

Inicialmente programado para ser na manhã desta terça-feira (1), o treino de Felipe Melo será apenas na parte da tarde. A mudança foi confirmada pelo estafe do atleta. O jogador nem compareceu à Academia de Futebol para ir ao campo ao lado de seus companheiros.

Posteriormente, o diretor executivo de futebol, Alexandre Mattos, compareceu à sala de imprensa para esclarecer a decisão. Além de falar dos treinos separados, explicou como foi o procedimento da direção no caso.

"Ele vai hoje [terça] mesmo separar, pelo menos neste início. Não fomos procurados por ninguém, não sei se o Felipe foi. Ele disse que teve sondagens. Ele pode ter certeza e vocês também que ele vai ser respeitado e ter o nosso carinho. Por isso que estou publicamente dizendo. Não levem a sério o áudio que ele próprio disse que estava fora de si", disse Alexandre Mattos, diretor de futebol do Palmeiras.

Ainda de acordo com os funcionários que trabalham com o atleta, Felipe treinará às 15h. Neste horário, o grupo já estará a caminho do Rio de Janeiro, onde enfrenta o Botafogo, às 21h45 desta quarta-feira, no Engenhão. 

Na última segunda-feira, a assessoria de imprensa do Palmeiras havia divulgado que Felipe treinaria junto com o restante do time. Durante a noite, no entanto, o áudio do jogador detonando Cuca vazou e a situação ficou insustentável. 

Mais tarde, o atleta deu entrevista à ESPN Brasil confirmando a veracidade do áudio, mas pediu que houvesse uma nova análise por ele ter falado durante uma festa de aniversário de sua esposa. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos