Público em Volta Redonda supera expectativas do Vasco, mas gramado preocupa

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

O primeiro jogo do Vasco no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), cumprindo a pena imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva, teve avaliações positivas e negativas. Na derrota para o Atlético-PR por 1 a 0, nesta segunda-feira, a presença do público, embora não tenha sido maciça, surpreendeu. Em compensação, o gramado deixou a desejar mesmo com os reparos.

No duelo com o Furacão, 8.330 torcedores estiveram presentes. A questão era uma preocupação da diretoria, uma vez que o Raulino tradicionalmente recebe poucas pessoas nos jogos dos clubes do Rio de Janeiro. No compromisso com os paranaenses, ainda se tinha o componente a mais do jogo ser numa segunda-feira. Fato, inclusive, que gerou reclamações por parte do presidente Eurico Miranda, que tentou antecipar sem sucesso a partida para domingo.

"Não assinei para jogar segunda. Estou denunciando que o Vasco não deve jogar. Paguem por isso, temos muitos prejuízos com isso", disse à "Rádio Tupi".

Em relação ao gramado, tão logo se definiu que o estádio receberia ao menos as três primeiras partidas das seis que o clube precisa cumprir como punição para confusões no clássico contra o Flamengo, o Vasco contratou uma empresa para cuidar do campo.

Na derrota para o Atlético-PR, porém, ainda sem viam muitos buracos que foram tapados com areia e pequenos pedaços de pedra. O volante cruzmaltino Jean, por exemplo, terminou o duelo com o joelho esquerdo ralado e sangrando bastante. A diretoria acredita que para o compromisso contra o Cruzeiro, nesta quinta-feira, a grama já esteja em melhores condições.

Por ter esses jogos bem próximos em Volta Redonda, o Vasco preferiu não retornar ao Rio de Janeiro. A delegação seguiu para Pinheiral (RJ), que é uma cidade vizinha, onde ficará hospedado até a partida diante dos mineiros. O grupo treinará e dormirá nas instalações do centro de treinamento João Havelange, que já foi utilizado pelo clube em três pré-temporadas.

A permanência do Cruzmaltino no Raulino de Oliveira nas últimas três partidas da pena serão avaliadas jogo a jogo. O Vasco ainda aguarda um aval da CBF em relação a mandar compromissos fora do estado do Rio.

Com 23 pontos, a equipe ocupa a oitava colocação do Campeonato Brasileiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos