Tite admite que Neymar no PSG pode beneficiar a seleção brasileira

Do UOL, em São Paulo

  • Pedro Martins/MowaPress

A novela envolvendo Neymar e o Paris Saint-Germain está dando muita dor de cabeça para o Barcelona, mas uma eventual ida do atacante para o futebol francês pode ser benéfica até para a seleção brasileira. Pelo menos essa é a opinião do técnico Tite.

Entrevistado no programa Noite de Craques, do Esporte Interativo, o treinador admitiu nesta terça-feira que uma transferência de Neymar ao PSG poderia fazer com que a equipe francesa sirva como uma espécie de 'time-base' da seleção. "Olhando para isso sim, não vou mentir. Quando você consegue fazer essas conexões de atletas que jogam juntos, que se conhecem dentro de campo, isso facilita", disse o técnico.

Caso Neymar acerte com o time francês, ele terá a companhia dos compatriotas Thiago Silva, Marquinhos, Daniel Alves e Lucas.

Apesar disso, o treinador deixou claro que não deseja influenciar nas decisões dos jogadores da seleção de trocarem de time. "A gente tem que saber os limites das atividades e eu não tenho esse direito".

O treinador, que disse estar "muito feliz com o desempenho técnico" de Neymar nos amistosos contra Juventus, Manchester United e Real Madrid, no torneio amistoso Champions Cup, acredita que o jogador evoluiu muito em dois aspectos nos últimos anos. "O primeiro ficou claro quando jogamos contra o Uruguai, quando estamos no campo de ataque deles e o Coates deu na cintura dele. Em outras épocas ele cairia, e dessa vez ele sustentou e foi para dentro. E outro aspecto é a assistência. Eu sempre falo que quando o Neymar pega na bola é para os outros infiltrarem, e ele entende isso também".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos