Não agradou? Nova camisa do Inter supera críticas com recorde de vendas

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Divulgação

    Eduardo Sasha mostra novo uniforme do Internacional ao comemorar gol

    Eduardo Sasha mostra novo uniforme do Internacional ao comemorar gol

O primeiro feedback da torcida do Inter para o novo uniforme do time foi negativo. Muitas reclamações nas redes sociais e um sem número de 'memes'. Mas qualquer argumento contrário ao modelo deste ano se encerra com números. Em 45 dias, o novo uniforme quadruplicou as vendas do uniforme anterior.

No mesmo período, um mês e meio após o lançamento, o uniforme do ano passado tinha vendido quatro vezes menos do que o atual. E a rejeição logo de cara acabou sendo até positiva de alguma forma.

"Primeiro que a imagem que vazou foi muito mal feita. As camisas estavam em um plano de mesa e tiraram a foto de cima com um celular. Desvalorizou o produto. A foto vazada atrapalhou na opinião dos torcedores", disse o Vice-presidente de marketing do Internacional, Gildo Sibemberg, ao UOL Esporte. "Mas a manifestação negativa a partir da foto, abaixou a expectativa e quando o torcedor chegou na loja e encontrou a camisa em um manequim, se surpreendeu de quão bonita estava. Houve um gap entre expectativa e realidade que acabou favorecendo", completou.

O uniforme produzido pela Nike traz uma homenagem ao Beira-Rio em uma faixa horizontal com tom mais escuro de vermelho do que o restante da titular. Na reserva, o branco divide espaço com uma faixa vermelha também na horizontal.

As vendas mostram que a aceitação da branca foi maior. Normalmente a titular vende numa proporção de 70% a 30% em relação a reserva. Atualmente a divisão é próxima a 60% para a vermelha e 40% na branca.

"A Nike é uma das maiores empresas do ramo no mundo. Tem experiência de sobra sobre o assunto. Houve também uma mudança de contexto. No lançamento o time não estava bem e a torcida um pouco descontente. Agora é outra fase, outro momento...", opinou Sibemberg.

Calendário e próxima camisa

O Internacional se diz totalmente satisfeito com o novo uniforme. As vendas mostram que a aceitação da torcida aumentou rapidamente. A única vírgula colocada pelo clube é que o momento de lançamento poderia ser outro. As empresas que fornecem uniformes trabalham regidas pelo calendário europeu do futebol, cujos campeonatos começam em julho e agosto. No Brasil é meio de temporada e a mudança ocorre fora de contexto.

"Eu imagino que deveriam ser lançados novos uniformes em dezembro. Seria o presente de Natal das pessoas. Mas temos que entender esta situação", explicou.

A próxima camisa do Inter já está em fase de testes. Será lançada apenas depois da Copa do Mundo de 2018. Até lá, o torcedor já pode se preparar para outra novidade. Uma camisa do chamado 'pré-match', que os jogadores usam durante o aquecimento. Será lançada no início de outubro e trará homenagem ao 'outubro rosa', campanha de combate e prevenção ao câncer de mama.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos