Tenho que aceitar que remédios farão parte da minha vida, admite Götze

Do UOL, em São Paulo

  • Alexander Hassenstein/Getty Images

    Götze retornou aos gramados em julho

    Götze retornou aos gramados em julho

De volta aos gramados desde o meio de julho, quando o Borussia Dortmund derrotou o Urawa Red em amistoso, Mario Götze disse que está motivado e conformado com o tratamento da doença metabólica que o afastou do futebol.

"No começo foi difícil para mim supor que não poderia mais até jogar, já que não tinha danos estruturais como osso quebrado. Mas importante era manter uma data para o retorno. Estou bem e posso voltar a competir normalmente, mas devo seguir com o tratamento. Tenho que aceitar que a medicação já faz parte da minha vida", disse o alemão em entrevista à revista "Kicker".

Götze foi afastado do Borussia Dortmund no início de fevereiro, quando ficou no banco de reservas na vitória por 1 a 0 sobre o RB Leipzig, pelo Campeonato Alemão.

Na ocasião, o clube comunicou que o jogador sofria de distúrbios metabólicos e, por isso, foi necessário afasta-lo "imediatamente" para o tratamento, sem prazo de retorno.

Herói da Alemanha no título da Copa do Mundo de 2014, Gotze voltou ao Borussia Dortmund na última temporada após três anos no Bayern de Munique. Ele tinha marcado dois gols em 16 partidas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos