G. Jesus marca, e City vence último amistoso antes do início da temporada

Do UOL, em São Paulo

Manchester City e West Ham foram à Islândia em uma prévia do Campeonato Inglês, que começa apenas daqui uma semana. O jogo foi tranquilo, sem grandes jogadas, mas um brasileiro se destacou: Gabriel Jesus. O camisa 33 fez o primeiro gol de sua equipe, que venceu por 3 a 0. 

Foi apenas um amistoso, o último antes da temporada começar. Ainda falta pouco mais de uma semana para o Campeonato Inglês, mas Gabriel Jesus já deixa sua marca. O City estreia contra o Brighton & Hove Albion no dia 12 de agosto. 

Tranquilo, o brasileiro precisou de menos de 10 minutos para abrir o placar. Aos 8 minutos, para ser exato, Gabriel Jesus fez o gol. A bola sobrou livre para ele na área após cruzamento na medida de De Bruyne.

No segundo tempo, apenas o City jogou praticamente e mostrou a habilidade e o entrosamento de seus jogadores logo no começo do segundo tempo.

Em jogada bem trabalhada, Sergio Agüero também deixou o dele aos 11 minutos do segundo tempo. Após cruzamento de David Silva, o argentino apenas empurrou para o gol.

Logo depois do placar mudar para 2 a 0, Guardiola promoveu seis mudanças de uma vez tirando de campo, inclusive, Gabriel Jesus e Agüero e promovendo a entrada do reforço Bernardo Silva, que custou 60 milhões de libras (R$ 251 milhões) ao time inglês.

Aos 25 minutos do segundo tempo Sterling também deixou o seu. Novamente, logo depois Guardiola promoveu mudanças e apenas o brasileiro Ederson permaneceu em campo da equipe titular.

Que situação

Kyle Walker protagonizou um momento nada bom no amistoso. Ao tentar um cruzamento, escorregou. O lance lembra o comentário do ex-jogador Gary Lineker, que alfinetou o Manchester City pelo preço pago por Walker, do Tottenham. O jogador custou 50 milhões de libras (R$ 208,5 milhões.

"Custando mais de 50 milhões de libras. Imagina o quanto ele custaria se soubesse cruzar uma bola", disse na época Lineker, através de sua conta no Twitter.

E o passaporte? 

Se dentro de campo o jogo não teve muita emoção, fora dele o City quase precisou atuar sem o treinador. Isso porque Pep Guardiola por pouco não embarcou para a Islândia.

O comandante esqueceu o passaporte e só lembrou quando já estava no aeroporto. O voo da equipe inglesa deixou o aeroporto uma hora depois do previsto por conta do episódio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos