Corinthians entra em acordo com agente de Pablo e formula novo contrato

Dassler Marques e Ricardo Perrone

Do UOL, em São Paulo

  • Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians

As reviravoltas têm sido muitas, mas o Corinthians acredita que finalmente chegou a um acordo sobre as pendências que restavam com Pablo e seu agente, Fernando César. Após conversas com o presidente Roberto de Andrade, o representante do zagueiro concordou em bater o martelo sobre luvas e comissões, segundo fontes do clube. Procurado, o empresário se negou a confirmar ou dar entrevistas.  

Em consequência do entendimento, na tarde desta segunda-feira, o departamento jurídico do clube analisa o contrato formulado entre Corinthians e Pablo, o que deverá encerrar a novela que envolve a compra dele em definitivo.

Segundo relatos feitos pelo Corinthians ao UOL Esporte, ambas as partes cederam no que travou o acerto na última semana: as condições de pagamento de luvas e comissões. O empresário esperava receber à vista, e o clube queria diluir tudo ao longo do contrato de quatro anos e meio. Não há detalhes sobre o acordo.

Conforme explicou o diretor de futebol Flávio Adauto no último sábado, possivelmente o empréstimo de Pablo será ampliado pelo Bordeaux de dezembro de 2017 para junho de 2018 a pedido do próprio clube francês. Somente a partir daí a compra seria efetivada. Mas, segundo envolvidos, essa possibilidade ainda não é 100% segura. 

De um jeito ou do outro, a compra do zagueiro em definitivo já será colocada no papel pelos valores acordados: 1,2 milhão de euros e a cessão de 15% do atacante Malcom. Atualmente lesionado, o zagueiro Pablo tem previsão de voltar ao Corinthians entre o fim de agosto e início de setembro. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos