Investida do Coritiba por dupla do Inter esfria. Dodô não será incluído

Marinho Saldanha e Napoleão de Almeida

Do UOL, em Porto Alegre e Colaboração para o UOL

  • Ricardo Duarte/Internacional

    Ernando não fechou com o Coritiba, negociação esfriou e pode não se concretizar

    Ernando não fechou com o Coritiba, negociação esfriou e pode não se concretizar

A investida do Coritiba em dois jogadores do Internacional esfriou. Depois de tentar as contratações de Ernando e Marquinhos, o clube paranaense se vê longe de ambos. A pedido do Inter, o lateral direito Dodô poderia ser incluído no negócio, mas tal possibilidade foi afastada. 

O molde de empréstimo proposto pelo Coxa era ter Ernando até o fim do ano, mas sem pagar os R$ 350 mil mensais de salário do jogador. Para 'abater' parte dos vencimentos que ficariam em Porto Alegre, o Colorado pediu a liberação do lateral Dodô, nos mesmos moldes. Mas o Coritiba não aceitou. 

Desta forma, a negociação de ambos dificilmente se concluirá. Ernando trabalhou com os jogadores do Internacional normalmente nesta terça-feira, mas é peça pouco utilizada do elenco. 

Em relação a Marquinhos, que pertence ao Inter e está emprestado ao Sport, tem problemas com o técnico Vanderlei Luxemburgo e quer deixar o clube. Porém, há divergências sobre a intenção do Coritiba de contar com ele. Foi um pedido do técnico Marcelo Oliveira, mas a direção não está convicta na investida. 

O Inter, neste caso, não se opõe a troca de clube. Tanto Ernando quanto Marquinhos tem vínculo com o Inter até o fim do ano que vem. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos