Com saída de Ábila, registro de Messidoro vira questão de tempo no Cruzeiro

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Reprodução Instagram

    De contrato assinado até dezembro de 2018, Messidoro será regularizado em breve

    De contrato assinado até dezembro de 2018, Messidoro será regularizado em breve

Depois de quase três semanas, os últimos capítulos da novela envolvendo o atacante Ramón Ábila, agora ex-Cruzeiro, chegaram ao fim. Na noite da última quarta-feira, o Boca Juniors se acertou com o Huracán e oficializou a contratação do jogador de 27 anos. Com a transferência do atleta concretizada, o Cruzeiro fica livre para regularizar o meia Alexis Messidoro, de 20 anos, que foi envolvido na negociação e emprestado ao clube até dezembro do ano que vem.

Os mineiros seguirão com 15% dos direitos econômicos de Ábila, enquanto o Boca será dono de 35% e o Huracán contará com 50% dos direitos. Apesar do acerto com os Xeneizes, Ábila irá retornar ao Huracán e ficará emprestado até dezembro deste ano. A ideia é que ele esteja à disposição da comissão técnica no retorno do time à Copa Libertadores, na temporada que vem.

"Estou muito contente. Tenho que agradecer a todas as partes, por se colocarem em acordo, ao Boca, ao Huracán. A verdade é que estou agradecido de poder voltar ao clube e espero fazer o melhor possível nesses meses que vêm por aí", comentou Ábila, em entrevista à Rádio Continental.

Concretizada a transferência de Ábila, Messidoro poderá deixar de vez os trabalhos internos na Toca da Raposa e participar das atividades comandadas por Mano Menezes nos campos. Além de ser regularizado em breve no BID, o jogador deverá ser oficialmente apresentado como novo reforço do Cruzeiro até dezembro de 2018.

Com  compra de Ábila, o Boca assumiu a dívida de 1,5 milhão de dólares que o Cruzeiro tinha com o Huracán, referente às últimas parcelas da compra do jogador. Os Xeneises também irão arcar com o pagamento de 4 milhões de dólares que o Cruzeiro teria que fazer caso permanecesse com o atacante em Minas Gerais até o final do ano. Além disso, o Cruzeiro ainda se livra da ação na Fifa por causa da dívida, agora retirada pelo Huracán.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos