Topo

Futebol


Santos ajuda bancar salário, e Cleber fecha com o Coritiba

Ivan Storti/Santos FC
Zagueiro ficará por empréstimo no Coritiba até o fim desta temporada Imagem: Ivan Storti/Santos FC

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

17/08/2017 11h15

O zagueiro Cleber fechou com o Coritiba por empréstimo até o fim desta temporada. O jogador já viaja na noite desta quinta-feira para Curitiba. O UOL Esporte apurou que o Santos ajudará o clube paranaense a bancar o salário do defensor. Cleber recebe R$ 250 mensais na Vila Belmiro. O alvinegro praiano pagará R$ 100 mil, enquanto o Coxa se responsabiliza pelo restante.

Cleber só não assinará contrato caso seja reprovado nos exames médicos. Nenhuma das partes espera isso (estafe do atleta, Santos e Coritiba), mas vale ressaltar que o São Paulo desistiu da contratação do zagueiro no primeiro semestre pois desconfiou de lesão crônica.

Agora Santos e Coritiba finalizam os últimos detalhes para fechar o empréstimo de outro santista para o time paranaense – o meia-atacante Rafael Longuine. O atleta é um sonho antigo do Coxa, mas o técnico Dorival Júnior, antecessor de Levir Culpi no Santos, não aceitou liberar o jogador.

Cleber, por sua vez, foi a segunda contratação mais cara do Santos na temporada e figurava na estatística dos poucos jogadores que ainda não atuaram com o técnico Levir Culpi. Comprado por R$ 7,3 milhões do Hamburgo (ALE), o defensor que chegou para ser titular absoluto virou a última opção do setor. O UOL Esporte havia revelado nesta quarta-feira que o clube paulista buscava interessados pelo jogador no mercado.

Cleber estreou sendo expulso diante da Ferroviária, em 18 de fevereiro, pela quarta rodada do Campeonato Paulista, e jamais engrenou grande série como titular com o antecessor de Levir, o técnico Dorival Júnior.

O jogador foi muito questionado por seu desempenho principalmente na derrota por 1 a 0 no clássico contra o Corinthians, também pelo Estadual, e passou a conviver com lesões e desconfiança, atuando somente em 10 dos 47 jogos do Santos no ano, ou seja, 21,2% das partidas.

Em abril, Dorival Júnior deixou escapar que o atleta possui um problema sério no joelho e, por isso, preferiu deixar o jogador fora da equipe titular e até do banco de reservas.

O departamento médico do clube confirmou que Cleber possui "geno varo", uma espécie de desalinhamento do joelho esquerdo, mas fez questão de afirmar que o problema não limita o zagueiro de jogar futebol.

Cleber quase foi negociado com o rival São Paulo neste ano, mas a transferência acabou sendo cancelada mesmo com as partes bem encaminhadas para um desfecho.

Santos e Coritiba se enfrentam neste domingo, às 19h (de Brasília), no Couto Pereira, em jogo válido pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Mais Futebol