Inter se aproxima de meia de 17 anos que deixou Corinthians após polêmica

Dassler Marques e Marinho Saldanha

Do UOL, em São Paulo e Porto Alegre

  • Reprodução/Facebook

    Alyson deixou o Corinthians após fim do contrato e agora jogará no Internacional

    Alyson deixou o Corinthians após fim do contrato e agora jogará no Internacional

O meia-atacante Alyson Mota está perto de ser contratado pelo Inter. A reportagem do UOL Esporte apurou que o jogador chegou a Porto Alegre nesta segunda-feira (28) para alinhar negociação com o Colorado. A direção da base do clube afirma que houve contato pelo jogador, mas só tratará o assunto por encerrado quando fechar negócio.

Após deixar o Corinthians ao fim do contrato, a promessa de 17 anos foi para o Rio Claro-SP e agora pode se transferir por empréstimo até o fim do ano. 

Mota foi pivô de uma polêmica na base corintiana. Com 15 anos, portanto sem contrato profissional, ele teve direitos econômicos irregularmente vendidos ao empresário Helmut Niki Apaza. O agente americano acusou a direção da base do clube de golpe, e a confusão acabou com a saída do gerente da base, Fábio Barroso.

O caso não parou nisso. Ainda houve agressões físicas ao pai do menino por parte do ex-empresário, acusação de um outro agente envolvido no caso, e uma situação que se arrastou durante meses porque Alyson solicitou, na justiça, a rescisão de contrato com o Corinthians.

No Parque São Jorge, Alyson sempre conviveu com elogios às qualidades e algumas críticas por indisciplinas com colegas e membros da comissão técnica. Neste ano, reintegrado ao sub-17, chegou a fazer três gols no Paulista da categoria, mas deixou o Corinthians pelo fim de seu contrato.

Livre, Alyson passou a atuar pelo Rio Claro no início deste mês, com vínculo até 2020. Marcou quatro gols em oito jogos e agora negocia empréstimo no Internacional até dezembro deste ano.

"É um jogador que observamos há bastante tempo. Sempre foi bem em torneios com o Corinthians. Tinha muito potencial. Mas faz tempo que não vemos jogar. Temos que ver. Não tem nada definido, assinado, não está contratado. Mas estamos conversando", disse o coordenador da base do Inter, Diego Cabrera, ao UOL Esporte. "Não sabemos bem como ele deixou o Corinthians. É algo que temos que saber certinho", completou. 

O Internacional passa, desde o início do ano, por um processo de reformulação nas categorias de base. Alyson Mota deve integrar o time Sub-20, que tem recebido uma série de reforços.

A reconstrução da formação no Colorado já deu reflexos positivos. O time Sub-23 - que recentemente ganhou reforço do antigo capitão da base do São Paulo - foi campeão da Segunda Divisão Gaúcha (Terceirona). De quebra cedeu Joanderson, Juan, Mossoró e Claudio Winck ao time principal. O último é titular absoluto de Guto Ferreira atualmente. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos