Sóbis tem três jogos para evitar seu maior jejum de gols pelo Cruzeiro

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

Após deixar o Mineirão sem marcar no triunfo sobre o Grêmio, Rafael Sóbis terá três jogos para evitar o seu maior jejum de gols pelo Cruzeiro.

Em 2016, o atacante passou 18 partidas sem estufar as redes adversárias. No duelo contra o Grêmio, na noite desta quarta-feira (30), ele chegou ao 15º compromisso consecutivo sem estufar as redes adversárias.

A longa seca do camisa 7 se iniciou em 28 de junho passado. Desde então, ele ficou 15 jogos sem celebrar - os confrontos contra Palmeiras (três vezes), Atlético-MG, Atlético-PR, Flamengo, Avaí, Vitória, Vasco, Botafogo, São Paulo, Grêmio (três vezes) e Santos.

Para evitar que iguale a pior sequência pelo clube - 18 confrontos, entre 8 de agosto de e 6 de novembro de 2016 -, Rafael Sóbis terá três oportunidades no mínimo. A primeira será diante do Londrina, pela semifinal da Primeira Liga. O atleta ainda enfrentará Flamengo, na próxima quinta-feira (7), pela final da Copa do Brasil, e Chapecoense, pelo Campeonato Brasileiro.

A ausência de gols faz com que o jogador de 32 anos se torne suplente no time de Mano Menezes. O treinador opta por deixá-lo entre os reservas nos jogos mais importantes. Ele só entrou em campo no time titular contra Santos, pela 22ª rodada do Brasileirão, e Grêmio, pelas quartas de final da Primeira Liga, porque a comissão técnica optou por poupar alguns atletas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos