Luan rejeita sair de graça e quer renovar com Grêmio: "Dei minha palavra"

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    Luan quer renovar contrato com o Grêmio e não deixará o clube de graça

    Luan quer renovar contrato com o Grêmio e não deixará o clube de graça

Foi pouco tempo, mas Luan estreou com a camisa da seleção brasileira principal. Nesta quarta-feira (31), o gremista atuou nos minutos finais da vitória sobre o Equador por 2 a 0. Depois do jogo, garantiu que pretende renovar contrato com o Tricolor e que não sairá do clube de graça.

"Sais de graça não. Eu já falei com a direção, falei com meu empresário. Essa possibilidade não existe, dei minha palavra. E isso de sair de graça não vai acontecer", disse na zona mista da Arena após o jogo da seleção.

Luan rejeitou duas ofertas, que inclusive tinham sido aceitas pelo clube. Ambas partiram do Spartak Moscou, da Rússia, que acabou levando Pedro Rocha após não conseguir contratar ele. Antes, o Grêmio tinha dito não à Sampdoria, da Itália.

"Se eles queriam vender, tinham que me avisar. E eu falei que no momento eu não queria sair, foi isso", afirmou Luan.

Com vínculo apenas até setembro do ano que vem, o jogador poderia assinar um pré-contrato e deixar o Grêmio de forma gratuita ao fim do vínculo. Mas garante que isso não vai acontecer. Pelo contrário, quer conversar com a direção gremista para, com calma, ampliar o prazo de permanência no clube.

"Eu disse que não vou sair de graça. Então tem que renovar. Não precisa ter pressa agora. Eu não tive pressa para sair, então não precisa ter para renovar. Vamos sentar, vamos conversar, que isso vai se resolver", completou.

Entre conselhos opostos

Luan ouviu uma série de jogadores. Enquanto os mais próximos, como Gabriel Jesus e Neymar, desaconselhavam a saída para Rússia, o ex-colega Giuliano admitiu ter conversado com ele e incentivado a saída.

"Eu disse que ele já devia ter saído (do Brasil) até há mais tempo. Tem que jogar lá fora", comentou. Outro que indicou a negociação foi Taison, do Shakhtar Donetsk, da Ucrânia.

Curiosamente, os dois entusiastas da ida de Luan passaram ou atuam no leste europeu. Giuliano recentemente deixou o Zenit e antes jogou no Dnipro, da Ucrânia, e Taison quando deixou o Brasil foi para atuar no Metalist e agora está no Shakhtar, ambos do mesmo país.

Com 24 anos, Luan é artilheiro gremista na temporada e com o fechamento da janela de transferências irá permanecer em Porto Alegre.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos