Venda de Richarlison deixa Flu perto de bater meta prevista em orçamento

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Getty Images

    Richarlison garantiu R$ 23 milhões aos cofres do Fluminense

    Richarlison garantiu R$ 23 milhões aos cofres do Fluminense

A situação financeira do Fluminense ainda inspira muitíssimos cuidados, mas o clube dá alguns sinais, ainda que tímidos, de que inicia um processo de recuperação de suas finanças.

Pela previsão orçamentária aprovada pelos conselheiros, o Flu teria de fechar o ano de 2017 com receitas extraordinárias na casa dos R$ 34 milhões. Este item diz respeito a negociação de jogadores e valores obtidos com premiações. Em setembro, o Tricolor já arrecadou algo na casa dos R$ 32 milhões.

A "boa notícia" aí é que apenas Richarlison foi vendido. Antes do fechamento da janela, o temor pela perda de mais jogadores era grande nas Laranjeiras. Com os R$ 23 milhões correspondentes ao negócio feito com o Watford, a urgência em se desfazer de mais nomes diminuiu um pouco. A transação de Wendel com o PSG será concretizada, mas o jogador não irá este ano para a França.

O resto do dinheiro que compões este bolo é oriundo de prêmios atingidos até agora nas competições disputadas. O Flu ganhu R$ 4 milhões na Copa do Brasil, R$ 2,5 milhões no Carioca e já garantiu R$ 2,8 milhões na Sul-Americana. À medida que o clube avance na competição continental, o montante irá crescer. Há também a previsão da chegada do dinheiro pago pela CBF pela premiação do Brasileiro. O valor é proporcional à colocação na tabela de classificação.

A falta de um patrocinador principal no uniforme é um problema incômodo no Tricolor, que também não tem tido grandes resultados nas bilheterias das partidas. Pesam no caixa do Flu as dívidas que a antiga fornecedora de material e a fábrica de bebidas Viton 44, que estampou suas marcas no uniforme, deixaram.

O elenco já sofre com três meses de atrasos nos direitos de imagem, fatia que corresponde grande parte do salário da maioria do elenco. O Flu está tentando viabilizar uma transação bancária para antecipar a segunda parcela da negociação de Richarlison. O presidente Pedro Abad empenhou sua palavra ao grupo e garantiu que o problema será resolvido o quanto antes.

O elenco do Fluminense ganhou folga no final de semana e se reapresentará na segunda-feira. O próximo desafio do Flu será o Vitória, dia 10 de setembro, no Barradão.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos