Holanda vence, supera Bulgária na tabela, mas segue em situação complicada

Do UOL, em São Paulo

  • AFP PHOTO / JOHN THYS

A Holanda ainda está em situação complicada na disputa por uma vaga na próxima Copa do Mundo. O time até venceu a Bulgária por 3 a 1, neste domingo (3), e por isso deixou a equipe adversária para trás na tabela. O problema é que a Suécia conseguiu uma vitória contra Belarus, por 4 a 0, e assumiu a vice-liderança do Grupo A. Já a França empatou com Luxemburgo por 0 a 0.

Faltando duas rodadas para o fim da fase de grupos, a Holanda está no terceiro lugar, com 13 pontos. França é líder com 17 pontos, enquanto a Suécia soma 16. 

Neste domingo, a Holanda fez um gol rapidamente no primeiro tempo, com Propper, aos 7min. Mas isso não significa que a equipe teve facilidade. A Bulgária marcou forte e chegou a acertar uma bola na trave, com Kostadinov. Lentos, os holandeses só chegaram com perigo pouco antes do intervalo, mas Janssen e Promes erraram a pontaria.

No começo do segundo tempo a Bulgária caiu de produção, passou a errar mais na marcação, mas a Holanda só aproveitou isso aos 21min, com gol de Robben. A Bulgária respondeu com um gol em lance de bola parada. Kostadinov marcou de cabeça aos 24min. Mas a Holanda acabou com qualquer reação aos 34min, quando Propper marcou novamente, também de cabeça.

O melhor: Blind

O jogador do Manchester United deu duas assistências e foi fundamental para a vitória da Holanda. No primeiro ele fez uma bela jogada antes de passar para Propper. No segundo ele recebeu a bola na área e tocou de primeira para Robben marcar.

Mudança que deu certo

Um dos jogadores mais famosos da seleção holandesa, Wesley Sneijder foi titular na derrota para França. Ele jogou mal, então o técnico resolveu mandá-lo para o banco e deu certo: Propper foi o substituto e fez dois gols. No primeiro tempo, Blind puxou uma tabela na ponta esquerda, foi até a linha de fundo e fez o passe rasteiro para o meia, que tocou de esquerda para a rede. No segundo tempo, Promes fez um cruzamento perfeito para ele marcar de cabeça.

Mudança que não deu certo

Já o técnico da Bulgária quis fazer uma alteração e não conseguiu sucesso. Ele mudou o time que tinha batido a Suécia, com a entrada de Tsvetskov. Mas o jogador não aguentou uma lesão muscular ainda no primeiro tempo e foi substituído por Slavchev.

Rede furada

Depois do intervalo, os árbitros do jogo perceberam que a rede de uma das traves estava rasgada. Então foi feita uma gambiarra com um tipo de fita isolante para o jogo recomeçar.

Próximos jogos

Na próxima rodada a Holanda enfrentará Belarus. A Suécia vai encarar Luxemburgo. A França terá a Bulgária pela frente. E na última rodada desta fase, haverá um provável confronto direto por vaga, entre Suécia e Holanda. A França pegará Belarus.

Outros jogos do mesmo horário

Mais duas partidas de outros grupos aconteceram no mesmo horário de Holanda 3 x 1 Bulgária. A Estônia bateu Chipre por 1 a 0. E Ilhas Faroe derrotou Andorra pelo mesmo placar. Os resultados não alteram as posições de classificação para a Copa ou para a repescagem.

HOLANDA 3 x 1 BULGÁRIA

Local: Johan Cruijff Arena, em Amsterdã
Data: 03/09/2017
Árbitro:  Tasos Sidiropoulos 
Cartões amarelos: Terziev (BUL), Vilhena (HOL), Manolev (BUL), Milanov (BUL), Chochev (BUL), Popov (BUL)
GolsPropper, aos 8min do 1º tempo; Robben, aos 21min do 2º tempo; Kostadinov, aos 24min do 2º tempo; Propper, aos 34min do 2º tempo.

HOLANDA
Cillessen; Tete, De Vrij, Hoedt e Blind; Wijnaldum, Vilhena e Pröpper (Van Ginkel); Robben, Promes e Janssen.
Técnico: Dick Advocaat

BULGÁRIA
Ivanov; Popov, Bozhikov, Terziev e Zanev; Zehirov (Milanov), Chochev, Tsvetkov (Slavchev) e Manolev (Galabinov); Kostadinov e Popov
Técnico: Georgi Donkov

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos